Notícias

Irritado com a lorota do “golpe”, Romero Jucá provocou no Senado: “Golpe a prestação?!”

“Então, teremos o golpe parcelado: é o golpe Casas Bahia; é o golpe Ricardo Eletro; é o golpe Magazine Luiza”

Nem os próprios petistas acham que estão sendo vítimas de um golpe. Mas, na ausência de uma desculpa minimamente aceitável para os absurdos que fizeram, precisam repetir até o fim que estão sendo vítimas de um ou não terão qualquer futuro político. Contudo, do outro lado, finalmente alguém perdeu a paciência com toda essa lorota. E logo alguém que passou muito tempo ao lado de Dilma Rousseff. Trata-se do senador Romero Jucá, que usou o microfone no plenário para desabafar:

“Alguns oradores, aqui, hoje, falaram em golpe. Mas como é golpe?! Golpe no Brasil?! Golpe a prestação?! Nós estamos fazendo o golpe há meses?! Então, teremos o golpe parcelado: é o golpe Casas Bahia; é o golpe Ricardo Eletro; é o golpe Magazine Luiza. Você compra à prestação e pega um golpe em 12 meses, em 12 parcelas mensais. É uma brincadeira isto aqui! Não dá para levar o Brasil desse jeito.”

Além de desonesto, o argumento petista é uma aposta na estupidez do brasileiro. Confia-se que uma mentira dessas cola porque o senso comum seria burro o suficiente para acreditar nela.

O petismo precisar minguar ao ponto de se tornar irrelevante.

Mais Lidas

To Top