Notícias

Justiça Federal começa a colher depoimentos de testemunhas do escândalo da Petrobras

A idéia é que essas testemunhas detalhem o grau de envolvimento dos réus nos crimes contra a estatal.

paulorobertocosta3

De acordo com a Folha de São Paulo, a Justiça Federal começará a colher os depoimentos nas próximas duas semanas de testemunhas do caso da Petrobras, buscando fortalecer denúncias contra os empresários acusados de estarem envolvidos no esquema de corrupção.

O juiz Sergio Moro ouvirá testemunhas de acusação indicadas pelo Ministério Público nas ações penais contra  os diretores das construtoras OAS, Camargo Correa, UTC, Mender Junior, Galvão Engenharia, Engevix e Toyo Setal. Entre os depoentes estão Paulo Roberto Costa e os executivos ligados à Toyo Setal, Julio Camargo e Augusto Ribeiro Mendonça Neto. Eles serão convocados a detalhar o grau de envolvimento dos réus nos crimes contra a Petrobras.

Mais Lidas

To Top