Notícias

Lula fez vôo sigiloso para Cuba bancado pela Odebrecht

Construtora é a responsável pelas obras do estádio do Corinthians, cujo acordo foi costurado pelo ex-presidente

Lula_FidelLeiam trecho da reportagem de Thiago Herdy, em “O Globo”:

O documento de solicitação do serviço, da Líder Táxi Aéreo, mostra também que o contratante exigiu discrição. No campo “passageiro principal” do formulário, o funcionário da Líder escreveu: “voo completamente sigiloso”. Procurada, a Líder não comentou o motivo do registro.

Para evitar que fosse vinculada ao fretamento, a Odebrecht usou uma de suas parceiras para pagar a despesa: a DAG Construtora, da Bahia. O dono da empresa, Dermeval Gusmão, primeiro negou ter pagado pelo voo. Anteontem à noite, ligou para informar que localizou um pagamento de R$ 435 mil à Líder e disse que um de seus diretores pode ter feito isso a pedido da Odebrecht.

O governo Dilma tem investido bastante capital público e político nas relações com Cuba. Nos últimos anos, o partido fez com que o BNDES presenteasse a ilha caribenha com a construção de um porto e a reforma do aeroporto de Havana. Curiosamente, o evento mais importante celebrado por Cuba nos últimos anos não teve nenhuma participação brasileira: a aproximação com os EUA para definir o fim do embargo. Cabe aos nossos parlamentares cobrarem do PT qual é o objetivo de tanto investimento petista na ilha socialista.

Mais Lidas

To Top