Notícias

Lutadora diz que presidente da federação russa bateu-lhe duas vezes no rosto após derrota

Mais um caso bizarro e lamentável da Rio 2016

Inna Trazhukova competiu na Rio 2016 pela luta olímpica, ficando em quarto lugar na categoria até 63 quilos. Contudo, disse à imprensa russa que foi agredida por Mikhail Mamiashvili, presidente da federação de seu país, após perder a medalha de bronze. Na descrição dada ao Russia’s Sport-Express, a lutadora alega ter sido estapeada no rosto por duas vezes. Segundo a vítima, o agressor estava bêbado e chegou a dizer obscenidades para ela.

A atleta promete levar o caso à Justiça:  “Ele me constrangeu em público. Eu quero dar um basta nisso, para que as atletas, no futuro, não sofram por causa dele”.

Mamiashvili nega qualquer agressão.

To Top