Notícias

Manifesto de economistas rebate Dilma: “não existe crise internacional”

Segundo o documento, o fraco desempenho econômico do país só pode ser culpa do governo.

Do InfoMoney:

dilma-preocupada2

Um manifesto com 164 professores de economia, de universidades do Brasil e do exterior, foi divulgado nesta terça-feira (14) para “desconstruir os inúmeros argumentos falaciosos ventilados na campanha eleitoral”. No primeiro item, o grupo destaca que “não há, no momento, uma crise internacional generalizada”, bem diferente do que afirmam Dilma e Guido Mantega, que justificam o baixo crescimento do PIB por causa de uma “grave crise internacional”. No segundo item do documento, os economistas afirmam que “no cenário de baixo crescimento e inflação alta, a semente do desemprego está plantada” e que “os avanços sociais obtidos com muito sacrifício ao longo das últimas décadas estão em risco”. Segundo eles, se não há crise internacional, o fraco desempenho econômico brasileiro só pode ser culpa do governo.

To Top