Notícias

Meta fiscal prometida pelo governo Dilma teve “erro” de quase R$ 200 bilhões

Foto: Wilson Dias/ABr

A Comissão de Orçamento do Congresso autorizou um rombo primário de até R$ 119,9 bilhões nas contas públicas.

A previsão no início de 2015 era de uma economia de R$ 68 bilhões. Ontem, a Comissão de Orçamento do Congresso autorizou um rombo primário de R$ 119,9 bilhões. Já havíamos alertados em posts anteriores, mas Míriam Leitão atualizou a conta para o Globo: R$ 187,9 bilhões de diferença. Contudo, o que a jornalista entende por um erro de cálculo pode facilmente ser entendido como uma negação da realidade com finalidade meramente política: evitar a queda do governo. O governo segue de pé até aqui. O mesmo não se pode dizer do Brasil.

Foto: Wilson Dias/ABr

Joaquim Levy | Foto: Wilson Dias/ABr

Mais Lidas

To Top