Notícias

Microcefalia: governo Dilma muda critério e “baixa” número de casos

A discussão durou apenas uma semana e já decidiram mudar o parâmetro, justamente em meio à epidemia.

Segundo o governo federal, a mudança seria uma adequação correta, mas é inquietante que tenham resolvido isso justo agora, no meio de uma epidemia alarmante, e por meio de uma “discussão” que durou apenas uma semana. Com isso, os casos “diminuem”.

Outro fator que atua contra a ideia de que o governo teria boa-vontade nisso é o fato de que já houve outras modificações de critério que, na prática, resultaram em estatísticas oficiais positivas (sem mudança de fato nos quadros gerais). Por decreto, por exemplo, o governo Dilma já estipulou que os pobres não seriam mais pobres. Fora, claro, as contabilidades criativas.

Microcephaly

A saúde pública não pode ser objeto desse tipo de procedimento. Muito menos quando se trata de caso desse tipo, um problema gravíssimo que exige atenção dobrada e medidas efetivas do governo – e não maquiagem de dados.

Em tempo: a microcefalia é causada pelo vírus zika, por sua vez transmitido pelo mosquito da dengue. Sim, o mesmo mosquito. E o que a Dilma fez para combatê-lo? Vejam nosso vídeo.

Notícias Recentes

To Top