Notícias

Ministro da Saúde diz que torcerá para que, antes da idade fértil, mulheres peguem zika

Como o governo diz não ter condições de vacinar todas as mulheres, o ministro “brincou” que ter a doença seria uma forma de se imunizar contra ela.

Se havia um recorde de frase infeliz, ele foi quebrado quando Marcelo Castro, nesse 13 de janeiro, disse que torceria para que mulheres pegassem zika antes da idade fértil. Num dos assuntos mais trágicos do noticiário brasileiro (e mesmo do mundo), que condenou mais de 3500 famílias a enfrentar a microcefalia em seus bebês, o ministro da Saúde achou que caberia uma “brincadeira” e pegou muito mal.

De acordo com o Estadão, foram estes os termos:

“Não vamos dar vacina para 200 milhões de brasileiros. Mas para pessoas em período fértil. E vamos torcer para que mulheres antes de entrar no período fértil peguem a zika, para elas ficarem imunizadas pelo próprio mosquito. Aí não precisa da vacina.”

marcelo-castro

Além da frase infeliz, cabe crítica ao fato de o governo Dilma não ter condições de vacinar quem queira se proteger da doença.

Acredita-se que o Zika Vírus chegou ao Brasil em eventos esportivos realizados em 2014. Apesar de uma competição de remo ocorrida no Rio de Janeiro estar sendo analisada, acredita-se que são maiores as chances de a epidemia de microcefalia ser um legado da Copa do Mundo, uma vez que ela se concentrou no Nordeste, por onde a competição passou.

To Top