Notícias

Ministro da Saúde não consegue falar sobre o Aedes aegypti nem para crianças

Marcelo Castro (PMDB-PI) causou constrangimento ao elogiar crianças com “crânio normal” em escola no DF

O ministro da Saúde Marcelo Castro (PMDB-PI) é prova viva de que o governo Dilma acabou. Desde que assumiu a pasta, ele vem colecionando gafes e episódios constrangedores para o governo. Na semana passada, Castro foi dar uma “aula” sobre o Aedes aegypti para alunos de 6ª série em uma escola no Distrito Federal e mostrou todo o seu despreparo para o cargo.

Logo na chegada, o ministro perguntou se as crianças tinham “crânio normal” e os elogiou por isso, pois pessoas com microcefalia “provavelmente não vão ter o mesmo desenvolvimento de inteligência” que eles. Ao longo da aula, ele ainda fez diversas comparações entre “crianças normais” e as portadoras da síndrome.

Marcelo Castro foi nomeado para uma das pastas mais importantes do governo apenas com o objetivo de agradar uma ala do PMDB e, assim, tentar afastar o risco de impeachment. Dilma não tem mais nenhuma autonomia sobre o próprio governo, que segue existindo apenas com o propósito de tentar adiar seu fim.

images_cms-image-000460809

Notícias Recentes

To Top