Notícias

Movimento liberal busca conquistar até 10 prefeituras e 200 vereadores nas eleições 2016

A iniciativa é suprapartidária, mas não quer papo com partidos de “extrema esquerda, como PSTU, PSOL, PC do B e PCB”.

Agora o Movimento Brasil Livre confirma para a grande imprensa o que já havia adiantado num hangout com o Implicante: eles querem dar continuidade ao trabalho não como um partido, mas uma bancada ideológica, aos moldes do que já ocorre hoje com a ruralista, de segurança pública e religiosa. Porque a burocracia para se montar um partido próprio é um desestímulo quase antidemocrático. O grupo já provou saber se articular. Além de estar à frente das três maiores manifestações políticas da história do Brasil, possuem ramificações em mais de 170 cidades. Por isso o objetivo de se candidatar a 10 prefeituras e 200 cadeiras nas câmaras de vereadores, nem que seja apenas para divulgar seus ideais. Boa sorte a eles.

MBL deve lançar até 10 candidatos a prefeito e 200 a vereador

Leia também | O IBGE estima em 8,6 milhões o número de desempregados no Brasil

Notícias Recentes

To Top