Notícias

Na Lava Jato, o caixa 2 de Lula

Ricardo Pessoa, dono da UTC, explicou o procedimento em sua delação premiada. E o pedido teria partido do tesoureiro do PT que se tornou Secretário do Haddad.

Em depoimento prestado ao Poder Judiciário, já em sua delação premiada na Operação Lava Jato, o empreiteiro Ricardo Pessoa, dono da UTC, tratou do Caixa 2 da campanha de Lula. Segundo informa, seriam mais três empreiteiras além da sua: Queroz Galvão, IESA e Camargo Corrêa, totalizando os repasses ilegais em 2,4 milhões.

No depoimento, ele afirma que o pedido partiu do tesoureiro petista, José de Filippi Junior, que foi secretário de saúde do Haddad. Para tanto, fizeram reuniões e “operacionalizaram” a coisa toda, com direito a entregas pessoais de dinheiro vivo.

Enfim, o Caixa 2 da campanha de Lula está oficialmente na Operação Lava Jato. Lembrando que o próprio Lula foi intimado pela PF, mas no curso da Operação Zelotes – que inclui a Máfia das MPs e um pagamento milionário a um de seus filhos.

Lula - Caixa 2 - Lava Jato

O cerco se fecha cada vez mais.

Notícias Recentes

To Top