Notícias

No Dia da Mulher, petistas interrompem aos urros homenagem à mãe de Moro

Odete Moro é professora aposentada e estava recebendo uma homenagem na Câmara Municipal de Maringá (PR).

Aos gritos de “Lula guerreiro do povo brasileiro” e “partido é dos trabalhadores” (???), manifestantes petistas atrapalharam uma sessão de homenagens nesta terça (08) na Câmara Municipal de Maringá (PR), onde vive a mãe do juiz Sergio Moro. Odete Moro é professora aposentada da rede estadual e havia sido escolhida para receber a homenagem por um vereador da cidade. Após a escolha, vereadores petistas também indicaram homenageadas para o Dia Internacional da Mulher e convocaram militantes e sindicalistas ao local. Com a galeria lotada, os petistas aproveitaram para vaiar e entoar gritos de guerra no momento em que foi anunciada a homenagem à mãe do juiz.

Eles perderam qualquer noção de civilidade.

alx-brasil-20150703-87-original-jpeg (3)

To Top