Notícias

Número de desempregados cresce 29,6% em um ano e chega a 8,8 milhões de brasileiros

Foto: screenshot.

O país ganhou ao todo 2 milhões de desempregados no intervalo de 12 meses.

O Brasil passou a ter 2 milhões a mais de desempregados entre agosto de 2014 e agosto de 2015, fazendo o total inflar 29,6% em 12 meses. Trata-se do pior número da atual série histórica. Ao todo, já são 8,8 milhões de brasileiros querendo algum emprego e não conseguindo.

Foto: screenshot.

Foto: screenshot.

O suposto baixo desemprego era a última muleta do governo Dilma na campanha de 2014. Dizia a propaganda petista, apesar das dificuldades da economia, o trabalho estava garantido. Não está mais. Ao se considerar que, pelos critérios da pesquisa, o trabalhador só passa a ser considerado desempregado depois de esgotadas todas as fontes remuneradas como seguro-desemprego, a expectativa é de que o dado siga piorando por mais algum tempo.

To Top