Notícias

CPI engaveta apuração de ‘laranjal’ da Delta e marca depoimentos para semana da sentença do Mensalão

A CPI do Cachoeira, que andava meio sumida do noticiário, voltou com tudo essa semana. Ontem, arquivou requerimentos pedindo a quebra de sigilo das empresas de fachada que recebiam dinheiro da construtora Delta. Reportagem da Folha de S. Paulo:

A CPI do Cachoeira engavetou ontem cerca de 250 requerimentos que, entre outras medidas, determinavam a quebra de sigilo de empresas que seriam de fachada.

Essas firmas eram usadas pela empreiteira Delta, da qual Cachoeira era sócio oculto, segundo a PF.

Com o sepultamento desses requerimentos, os parlamentares não terão informações para inquirir o empresário que controla parte dessas empresas e deve depor no dia 28.

Outra investigação por ora abandonada se refere a empresas de fachada controladas por Cachoeira nos EUA.

Esses requerimentos ainda podem ser aprovados, mas isso só aconteceria em setembro. O prazo para a entrega do relatório final da CPI é 23 de outubro -dificilmente haverá tempo hábil para receber e analisar os dados.

Mais Lidas

To Top