Notícias

Pedaladas de Dilma devem perder no TCU e dar base jurídica ao impeachment

Planalto já se organiza para protelar ao máximo todo o processo e assim garantir algum tipo de sobrevida à presidente brasileira mais mal avaliada de todos os tempos.

E por unanimidade. A presidente que bancou a Copa do 7×1 está prestes a levar, segundo apuração da Folha, uma surra por 9×0 no Tribunal de Contas da União. Comprovadas as pedalas, os parlamentares passam a ter a base legal para caminharem com o processo de impeachment de Dilma Rousseff. Fernando Rodrigues, para o UOL, informa que a tática do Planalto será a mais comum do meio jurídico brasileiro: protelar ao máximo todo o processo na base de recursos a instâncias superiores. E, se possível, buscar alguma nulidade no meio da papelada. Mas, como impeachment é “julgamento político”, dificilmente a petista conseguirá concluir o mandato após a martelada do TCU.

Dilma Rousseff - Cartões Corporativos

Leia também | E também vem aí o Janot Inflado

Para mais informações:
Rejeição de contas de Dilma é considerada irreversível no TCU

Notícias Recentes

To Top