Notícias

Petrolão: Paulo Roberto Costa é condenado a sete anos de prisão

Primeiro delator do esquema, ex-diretor foi condenado pela Justiça Federal nesta quarta-feira, dia 22

paulorobertocosta3Leiam as informações do site da rádio Jovem Pan:

A Justiça Federal condenou nesta quarta-feira (22), o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa. Primeiro delator da Lava Jato, Costa não recebeu perdão judicial e pegou sete anos e seis meses de prisão.

Deste total, serão descontados os períodos em que ficou preso na Polícia Federal, em Curitiba, e em regime domiciliar no RJ, que cumpre desde outubro do ano passado. A decisão permite a redução da pena, caso Roberto Costa ainda colabore de maneira relevante com as investigações.

Paulo Roberto Costa foi condenado pelos crimes de organização criminosa e lavagem de dinheiro oriundo de desvios de recursos prúblicos na construção da Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco.

Paulo Roberto Costa era o operador do esquema de corrupção responsável pelos repasses ao PP. Ainda restam as condenações aos operadores do PMDB e do PT, que devem ser muito maiores.

To Top