Notícias

PT descumpre cota, mas deputada petista quer multar propagandas com mulheres de biquíni

Uma ideia nada “boa”.

Ainda hoje falamos da punição aplicada pelo TSE ao Partido dos Trabalhadores, por descumprir cota estabelecida em lei para a defesa da participação das mulheres na política.

Em vez de criticar abertamente o próprio partido, a deputada Erika Kokai (PT/DF) apresentou projeto de Lei exigindo multa de até R$ 200 mil a propagandas que “objetifiquem” as mulheres. Trecho da exposição de motivos:

“É rotineiro o emprego da imagem feminina na publicidade como objeto prontamente disponível para a satisfação dos desejos masculinos. Essa realidade é muito nítida no caso de propaganda de cervejas, comumente tido como um produto de interesse predominantemente masculino, mas por vezes se manifesta também na publicidade de muitos outros produtos, às vezes sutilmente e outras vezes nem tão sutilmente assim”

Por melhor que seja a intenção, o Projeto de Lei, na prática, proíbe que mulheres decidam por si próprias quanto a participar de um comercial desse tipo. Lembrando que não são propagandas degradantes, ou humilhantes, mas mesmo aquelas que apenas exibam corpos femininos.

Mas nada de reclamar do próprio partido quanto ao descumprimento da cota de defesa da participação feminina…

Fonte: Estadao

Notícias Recentes

To Top