Notícias

PT tem candidato suspeito de pedofilia no interior de SP

Em Paulínia (SP), Executiva Estadual do Partido dos Trabalhadores briga com diretório municipal por candidatura de Dixon Carvalho, que já apareceu em fotos vazadas na internet em “situação de pedofilia”. O candidato contesta a autenticidade do material. Reportagem da Folha de S. Paulo:

Um suposto caso de pedofilia foi responsável, nesta semana, por uma cisão no PT em Paulínia (a 117 km de São Paulo), cidade que tem a maior refinaria da Petrobras e o 17° PIB per capita do país.

Em 2009, circularam fotos que mostrariam o economista Dixon Carvalho, candidato do PT na cidade, em situações de pedofilia. Ele próprio acionou a Justiça questionando a autenticidade do material –o processo corre sob sigilo.

Na semana passada, a Executiva Estadual do PT afirmou, em nota, ter decidido pela expulsão de Carvalho, após ter tomado conhecimento da denúncia.

Anteontem, o PT de Paulínia disse que havia ocorrido um “erro de comunicação” e o candidato estaria suspenso, não expulso, o que foi confirmado pelo PT de São Paulo.

Ontem, a Secretaria Nacional de Organização do PT informou que Carvalho está “formalmente suspenso por 60 dias”, mas “politicamente expulso”.

Carvalho disse ser alvo de uma “situação arbitrária” e que continua na disputa –o que é avalizado pelo cartório eleitoral de Paulínia. “Sei da minha inocência e fui eleito [candidato] pelas regras do partido.”

To Top