Notícias

Senado aprova restrições à promiscuidade entre institutos de pesquisas e políticos

Pelo texto aprovado nesta terça no Senado, a imprensa não poderá mais contratar institutos que tenham realizado trabalhos para partidos, candidatos ou órgãos públicos até um ano antes das eleições.

Pelo texto aprovado nesta terça no Senado, a imprensa não poderá mais contratar institutos que tenham realizado trabalhos para partidos, candidatos ou órgãos públicos até um ano antes das eleições. A medida mira principalmente os pequenos institutos do interior dos estados, quase sempre ligados a líderes políticos regionais. A Associação Nacional de Jornais reclamou de censura – como se fosse doer no bolso dela, e não dos institutos, as restrições encaminhadas para apreciação da Câmara dos Deputados.

urna-eletronica

Para mais informações:
Jornais e institutos criticam restrição a pesquisas eleitorais

Notícias Recentes

To Top