Notícias

Site “Brasil 247” teria recebido dinheiro do Petrolão

Lobista ligado a José Dirceu preso nesta última quinta repassou R$ 120 mil ao site “Brasil 247” em plena campanha eleitoral de 2014

Sacodedinheiro2A edição da revista Época desta semana tem uma reportagem extensa sobre as ações de Milton Pascowitch, ligado a José Dirceu e preso nesta semana. Diego Escosteguy adiantou em tweets numerados algumas informações relevantes colhidas pela força-tarefa da Lava Jato:

1) Nas contas de Pascowitch, entrava dinheiro das empreiteiras do petrolão;

2) O dinheiro, segundo os documentos bancários e fiscais, era lavado numa empresa de fachada, a Jamp, e saía para gente do PT;

3) Recebiam grana gente como José Dirceu, o ex-diretor da Petrobras Duque e até a máquina de propaganda do PT na internet (Brasil 247);

9) A ascensão de Pascowitch como lobista coincide com o petrolão. Em 2003, quando Lula e o PT assumiram o poder, o operador engatinhava;

10) O patrimônio dele em 2003: R$ 574.160,74. Veio então o petrolão e os anos de bonança. Patrimônio em 2013: R$ 28.252.751,43.

12) Entre 2004 e 2013, Pascowitch recebeu R$ 104 milhões, por meio de sua consultoria Jamp.

13) Detalhe: a empresa não tinha funcionários. Era de fachada.

14) Servia para manter contas por onde transitava o dinheiro do petrolão. Nada ali era serviço, segundo a força-tarefa: era tudo propina.

17) Os pagamentos das empreiteiras a Pascowitch eram o meio do caminho. Na outra ponta, estavam Dirceu e Duque – como disseram os delatores

18) O lobista pagou a José Dirceu R$ 1.457.954,70 em dois repasses, entre 2011 e 2012 – durante o julgamento do mensalão, crianças.

22) Foram quatro repasses entre setembro e dezembro de 2014. Campanha eleitoral.

23) Era o auge da Lava Jato – e da campanha de Dilma. O tal site defendia a candidata e atacava ferozmente qualquer um visto como oponente.

27) Attuch: os R$ 120 mil que recebeu se referem a um contrato de “produção de conteúdo relacionado ao setor de engenharia e infraestrutura”

30) Ele enviou à reportagem uma “proposta comercial” de dois parágrafos para demonstrar os “serviços”.

Parte da reportagem de capa da edição desta semana está disponível neste link.

Notícias Recentes

To Top