Notícias

Skaf e Padilha receberam doações de empresas investigadas pela Operação Lava Jato

As empresas são investigadas por superfaturamento de obras contratadas pela Petrobras e por pagar propinas a políticos.

Do UOL:

skaf

A campanha de Alexandre Padilha, candidato do PT ao governo de São Paulo, recebeu doação de R$ 20 mil de uma empresa investigada na Operação Lava Jato por participar de esquema de corrupção. Em nota, a campanha do candidato afirmou que “segue os critérios de recebimento de doação determinados pela legislação eleitoral”. Paulo Skaf, candidato do PMDB, também recebeu doações para sua campanha no valor de R$ 2,5 milhões de duas empresas também investigadas pelo esquema de corrupção. A construtora OAS S/A e a Queiroz Galvnao são suspeitas de superfaturar obras contratadas pela Petrobras e por pagar propinas a políticos. A campanha de Dilma Rousseff também recebeu diretamente R$ 25 milhões de empreiteiras suspeitas de participar do esquema.

Mais Lidas

To Top