Notícias

Vendas de veículos tem pior ano desde 2008

A queda foi de 26,6%.

O mercado automotivo não é apenas um “termômetro” tradicional da economia do Brasil, mas também uma das primeiras bolas-de-neve. Isso porque, quando sobe, costuma carregar segmentos paralelos; mas, quando cai, também derruba outros setores (autopeças, seguros, serviços etc.).

Desse modo, dá para ter ideia do tamanho da queda quando se observa que a venda de veículos novos caiu 26,6% em 2015, o pior ano desde 2008.

Com isso, a sombra do desemprego em massa também paira sobre todas as montadoras – e já é uma realidade em muitas delas, com férias forçadas e planos de demissão voluntária.

Agradeçam à Dilma e ao PT por isso.

To Top