Tempo Real

Liminar do STF veta o gasto extra de R$ 100 milhões em publicidade

Noticiamos a MP com exclusividade.

Dilma Rousseff - Foto Carlo Allegri Reuters

Na última sexta-feira, 29/04, noticiamos aqui uma Medida Provisória do governo de Dilma Rousseff que abria crédito adicional de R$ 100 milhões para a publicidade, remanejando verba alocada na Eletrobrás, bem como R$ 80 milhões remanejados dentro do Ministério do Esporte (tirando de atividades de inclusão social e botando nas Olimpíadas).

Pois o STF, em decisão liminar do Ministro Gilmar Mendes, acaba de barrar o crédito extra para publicidade, em ação movida pelo partido Solidariedade.

Correta a decisão.

To Top