Implicante

/ Notícias

18 de novembro de 2011

Contrariada, Marta zomba de Lula por escolher Haddad: ‘Ninguém tinha tido essa ideia brilhante’

white 15 Contrariada, Marta zomba de Lula por escolher Haddad: Ninguém tinha tido essa ideia brilhanteKindle

3110909346ED47CAA5C2C2C80A159B1B 550x428 Contrariada, Marta zomba de Lula por escolher Haddad: Ninguém tinha tido essa ideia brilhante

Em entrevista concedida à Folha, Marta Suplicy não escondeu o seu descontentamento por ter sido alijada da disputa à prefeitura de São Paulo. De acordo com a senadora petista, a escolha de Lula representa “um erro” e seu partido terá de “trabalhar pra burro” se quiser eleger Fernando Haddad. Leiam abaixo trechos da entrevista:

Excluída pelo PT da corrida à Prefeitura de São Paulo em 2012, a senadora Marta Suplicy afirmou ontem que a escolha do ministro Fernando Haddad (Educação) foi “um erro” do ex-presidente Lula.
Ela se disse “frustrada”, mas prometeu guardar os sentimentos “no armário” para apoiar o pré-candidato do partido, que ganhou a chapa sem ter que disputar prévias.
“Foi um erro ser assim. Agora vamos nos empenhar muito para que se transforme num acerto”, disse à Folha.
Marta afirmou que o lançamento do ministro, inexperiente em eleições, deve-se apenas à vontade de Lula. E sugeriu que a presidente Dilma Rousseff se viu forçada a obedecer ao padrinho.
“Foi uma decisão do Lula. Ninguém tinha tido essa ideia brilhante”, disse a ex-prefeita, em tom de ironia.
Ela se mostrou contrariada com a versão, difundida por integrantes do governo, de que teria pedido a Dilma que encenasse um apelo para justificar sua desistência.
“Foi um apelo dela. Não sei se de coração ou seguindo algo combinado com o Lula.”
Marta afirmou que o PT precisará “trabalhar para burro” para eleger Haddad e disse não arrepender da declaração, dada em agosto, de que Lula só insistiria no ministro se quisesse perder.
“Era o meu diagnóstico naquele momento. Para ser invertido? Vamos ter que trabalhar para burro“, afirmou.
“Vai depender bastante da militância do PT e do próprio desempenho dele. Vamos ter que nos esforçar muito.”
(…)

PREOCUPAÇÃO
A mágoa de Marta é a grande preocupação de Haddad e da cúpula petista, que dependem de sua participação para impulsionar a campanha -especialmente na periferia, onde ela é mais popular.
Ao anunciar sua saída do páreo, a senadora evitou declarar apoio ao ministro. Na noite de quarta-feira, ele foi ao apartamento dela em Brasília para pedir ajuda.
“Ele me pediu apoio, e eu disse que ia cooperar e me engajar na campanha”, contou a ex-prefeita.
O relato de Marta evidencia a desconfiança de Haddad. “Ele falou: ‘Mas você vai me ajudar?’ Eu falei: ‘Vou. Pode contar’. Vamos fazer uma programação e eu vou me engajar na campanha.”
Ontem, questionada sobre as bases do apoio, ela disse que “não ficou acertado nada”. “Estou a serviço. Eles vão avaliar onde eu posso ajudar. Não posso esquecer que também tenho meu trabalho como senadora, que é árduo.”

Íntegra aqui (para assinantes).

Comentário:

Curiosa a definição “trabalhar pra burro” escolhida por Marta. Todos sabemos que a senadora é meio desastrada com as palavras, mas nesse caso parece que foi meticulosa ao definir o esforço do PT para eleger alguém que ocupa o cargo de ministro da Educação.

Na mesma matéria, a Folha informa que Fernando Haddad ficou aliviado com o apoio oferecido por Marta. Compreensível, depois de todo esse entusiasmo demonstrado pela ex-prefeita, e frases de engajamento como: Não posso esquecer que também tenho meu trabalho como senadora, que é árduo”, quem não ficaria aliviado?

compartilhe

Tópicos , ,

3 Comentários

  1. Brandon Mosca22 de novembro de 2011 às 01:21

    Lula e Cia. escolheram o inexpressivo e patético Haddad (poderia ser qualquer outro looser nato), pq o dito cujo é perfeito para… PERDER!
    PSDB garante o feudo em SP e o PT e Cia. dividem o resto.
    E a caravana passa…

  2. Sam Spade19 de novembro de 2011 às 22:52

    Cadê a Lei Maria da Penha? essa coitada (literalmente) foi moral e politicamente violentada por luLLa. Vamos aguardar os acontecimentos para opinar de forma mais embasada, mas eu acho que ela brochou, relaxar e gozar com tesão não mais! Definitivamente, acho que ela precisa de uma psicóloga,….ou de algum francoargentino para recuperar sua autoestima.

  3. Carvalho19 de novembro de 2011 às 13:43

    Marta foi atropelada pelo Lula e pelo PT, sem o menor respeito ao estatuto do partido e à sua história política (tosca, mas não deixa de ter uma história e muitos eleitores), e ainda se predispõe a apoiar o Gugu-dadá incompetente e estrelinha. Petistas parecem mesmo padecer de sério defeito de caráter pois não conseguem ser dignos nem consigo mesmos. Tivesse brio e fibra, abandonava esses malas e eles que se virassem para eleger prefeito de São Paulo o atual pior ministro da educação da história deste país.

Publicidade

Enquete

Quem você acha que Lula indicaria hoje para o STF?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
Publicidade