Implicante

/ Notícias

19 de setembro de 2012

Delator diz que vice de Dilma participou do mensalão do DEM de Brasília

Kindle

Notícia da Folha de São Paulo:

DE BRASÍLIA – O delator do mensalão do DEM, Durval Barbosa, envolveu o vice-presidente da República Michel Temer no suposto esquema de compra de apoio político ao ex-governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda.

Em depoimento prestado à Justiça do DF ontem, Barbosa disse que ouviu de Arruda que conseguiu em 2007 o apoio do PMDB nacional pagando R$ 1 milhão por mês a Tadeu Filippelli, então deputado federal e atual vice-governador.

Durval disse que, segundo Arruda, parte deste dinheiro era destinado a Temer – Arruda nega participação no esquema.

No depoimento, Durval Barbosa não dá detalhes de como seria essa suposta entrega de dinheiro. À época, o PMDB distrital era controlado pelo ex-governador Joaquim Roriz,  adversário de Arruda. Roriz então saiu do PMDB e o partido passou a apoiar Arruda.

A assessoria do vice-presidente Michel Temer rechaçou as afirmações de Barbosa.

Leia mais aqui.

Tópicos , ,

Publicidade

Enquete

Escolha o nome do boneco inflável da manisfestação de 16/08:

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
Publicidade