Implicante

/ Notícias

2 de julho de 2012

Boi de piranha: Delúbio combina com “núcleo central da quadrilha” e assumirá culpa no julgamento do Mensalão

white 15 Boi de piranha: Delúbio combina com núcleo central da quadrilha e assumirá culpa no julgamento do MensalãoKindle

Delúbio Soares G1 550x366278 Boi de piranha: Delúbio combina com núcleo central da quadrilha e assumirá culpa no julgamento do Mensalão

Reportagem do Estadão:

A um mês do início do julgamento do mensalão, o “núcleo central da quadrilha”, conforme definição do então procurador-geral da República Antonio Fernando de Souza, combinou que o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares deve assumir que partiu somente dele a iniciativa de formar o caixa 2 para o financiamento de partidos e parlamentares que se coligaram com os petistas nas eleições de 2002 e 2004.

Esse núcleo central, segundo o procurador, era formado por Delúbio, o ex-ministro José Dirceu (Casa Civil), o ex-deputado José Genoino e o ex-secretário-geral do PT Sílvio Pereira. Este último fez acordo com o Ministério Público e já cumpriu pena alternativa de 750 horas de serviços comunitários.

O “núcleo central da quadrilha” foi citado 24 vezes por Souza na peça que pediu a condenação dos envolvidos por crimes como formação de quadrilha, corrupção ativa e passiva, evasão de divisas, lavagem de dinheiro e peculato.

Ao afirmar que foi atrás do dinheiro que resultou no caixa 2 sem pedir a autorização a ninguém, Delúbio fará mais do que manter o silêncio sobre o escândalo. Ele abrirá o caminho para que José Dirceu possa reafirmar, no Supremo Tribunal Federal (STF), que estava afastado do partido, não acompanhava as finanças petistas e que não há no processo uma única testemunha ou ato que o incrimine.

José Genoino, que era o presidente do partido, pretende reafirmar que a presença de seu nome apareceu em dois empréstimos feitos pelo PT nos bancos Rural e BMG, isso ocorreu por mera formalidade do cargo. Na condição de presidente, deveria dar o OK a tal tipo de operação.

Na denúncia, Genoino é acusado de formação de quadrilha e corrupção ativa, como Delúbio e Dirceu. A diferença entre eles é que Dirceu foi chamado, na peça, de “chefe da quadrilha”.

Estresse. O acerto feito por Dirceu, Genoino e Delúbio chegou a causar um estresse entre os seus advogados. De acordo com informações de bastidores, Arnaldo Malheiros Filho, que defende Delúbio, discorda da estratégia – a seu ver, ela vai incriminar seu cliente e facilitar a vida dos outros dois. “É claro que esse assunto do pagamento da conta dos partidos que se aliaram ao PT foi discutido pela Executiva Nacional da legenda”, disse Malheiros Filho ao Estado. “Delúbio não fez nada sozinho.”

Malheiros Filho contesta os argumentos do procurador-geral, baseados no relato da CPI dos Correios. Segundo a comissão, do início do governo Lula a 2005 foi montado um esquema de corrupção baseado na irrigação de empresas de Marcos Valério de Sousa, que obteria contratos vantajosos do governo e do PT em troca de devolver ao partido grandes quantias em dinheiro. O PT usaria tais recursos para distribuir a parlamentares de partidos aliados para que apoiassem projetos do governo.

“Que o Delúbio distribuiu dinheiro, distribuiu. Mas foi para pagar os gastos de partidos aliados e não para comprar parlamentares. E tudo com pleno conhecimento da cúpula do partido”, reafirmou o advogado. “No mundo todo, compram-se aliados de forma diferente, oferecendo-lhes cargos e não dinheiro, como se fala na acusação.”

(…)

(grifos nossos)

compartilhe

Tópicos , ,

6 Comentários

  1. Thiago4 de julho de 2012 às 00:48

    É, ele deve levar uma boa bolada do caixa 2 para fazer isso ai hein!

  2. Alex Mamed3 de julho de 2012 às 16:59

    “No mundo todo, compram-se aliados de forma diferente, oferecendo-lhes cargos e não dinheiro, como se fala na acusação.”

    A confissão do advogado chega a ser escandalosa. Ora, se no mundo inteiro é diferente, oferecendo-se cargos, então no Brasil, a entrega do dinheiro é CRIME SIM. Como não?
    .
    Além disso, não foi a aucsação quem disse que o PT comprou aliados com dinheiro. Foi o próprio Delúbio, Genoino e Dirceu. Ao aceitarem a opinião do Márcio Tomaz bastos, de que se tratava de dinheiro para pagar dívidas de campanha que o PT estaria repassando a aliados, essa conduta apenas reafirma o que sabemos: foi compra dos partidos aliados sim.
    .
    Outra questão não menos relevante diz respeito à origem dos recursos. A denúncia demonstra e prova que boa parte teve origem em recursos públciso desviados da propaganda oficial.
    .
    Então, eles querem combinar assim: O Delúbio assume e coisa e tal. Mas como fica os crimes relacionados a origem e lavagem do dinheiro “não contabilizado” pelo Delúbio? Eles querem que esqueçamos?
    .
    faça-nos o favor. estamos há sete anos sendo feitos de palhaço! Já passou da hora de mandar essa corja toda pra cadeia.

  3. Arthurius Maximus3 de julho de 2012 às 14:15

    Não me admiraria nada se isso acontecesse. Afinal de contas, toda quadrilha “de respeito” tem de ter “um bucha” para assumir tudo quando as coisas vão mal. O mesmo se da com qualquer máfia. Tem sempre um eleito para “puxar” a cadeia e deixar os chefes de fora.

  4. Thiago Hart2 de julho de 2012 às 21:34

    Acreditar que o núcleo duro do PT não sabia de nada e que Delúbio foi o único responsável pelo CRIME é ridículo. O PT não é – e nunca foi – um partido sem comando forte. A tal da democracia interna nunca passou de balela para enganar os incautos. Vide as decisões tão recentes tomadas pela direção nacional. Resumindo, a Delúbio o que é de Delúbio e a Dirceu o que é de Dirceu! @thiagohart

  5. Luiz Carlos2 de julho de 2012 às 20:35

    Flávio, tem uma notícia interessante neste link, boa para um comentário seu:
    http://revistapiaui.estadao.com.br/edicao-69/vultos-da-republica/o-soldado-do-pt

  6. Conservatore2 de julho de 2012 às 20:02

    A certeza da impunidade é tão grande, que, o advogado faz uma confissão do esquema praticado, no caso, comprar os aliados com cargos, não com dinheiro(o que, no caso do mensalão, não é verdade). COMO SE ISSO NÃO FOSSE ILEGAL, IMORAL E NEFASTO para a política.O problema é que ele joga todo mundo na vala comum, ou seja, TODO MUNDO PRATICA OS “MALFEITOS”. Este é o nivelamento que “justifica”,justamente, os malfeitos.

Publicidade

Enquete

Quem você acha que Lula indicaria hoje para o STF?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
Publicidade