Notícias

Dilma: gritou que não tinha conta no exterior, foi acusada de manter conta com a Odebrecht

A confissão veio do próprio Marcelo Odebrecht, que entregou ao TSE manter uma conta corrente para uso da presidência nos governos Lula e Dilma

Não tem muito tempo, usando o caso de Eduardo Cunha como um escudo, Dilma Rousseff adorava repetir que não tinha “conta no exterior”. O tweet abaixo, de junho de 2016, quando estava afastada da Presidência da República, mas ainda não tinha sido cassada, registra bem o posicionamento dela.

Contudo, conforme revelado em primeira mão pelo Antagonista, a presidente Dilma Rousseff teria, sim, uma conta clandestina. No caso, com a Odebrecht. Não estaria no nome dela, mas seria manipulada ao sabor da vontade dos presidentes petistas por intermédio de Antonio Palocci e Guido Mantega. Tudo isso foi detalhado por Marcelo Odebrecht em depoimento ao TSE.

Aparentemente, usar “conta no exterior” como escudo não foi a melhor das estratégias.

Fonte: O Antagonista

To Top