Implicante
17 de abril de 2012

Haddad diz que não esconderá apoio de José Dirceu

Kindle

Da Folha.com:

O pré-candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, disse nesta segunda-feira (16) que não esconderá o apoio do ex-ministro e deputado cassado José Dirceu, acusado elo Ministério Público de ser o “chefe da quadrilha” do mensalão.

O presidente eleito do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Carlos Ayres Britto, declarou no fim de semana que pretende julgar o caso até junho.

“Não podemos esconder as pessoas que nos apoiam. Elas têm direito de cidadania, de expressar sua opinião sobre o melhor para São Paulo”, disse Haddad sobre Dirceu.

“O julgamento ainda não aconteceu. Por todas as declarações que ouvi, ele [Dirceu] é o mais interessado no desfecho desse caso. Quer ser julgado com base nas provas apresentadas, o que eu acho justo”, acrescentou.

Haddad disse não temer danos à sua candidatura caso o STF condene dirigentes do PT. “Eu não trabalho com esse tipo de cálculo. A sociedade exige da classe política transparência e combate à impunidade”, disse.

O pré-candidato não quis fazer previsões sobre o julgamento. “Não conheço o processo, não sou especialista. Conheço pelos jornais.”

IMPRENSA

Questionado sobre a possibilidade de a CPI do Cachoeira desviar as atenções do julgamento do mensalão, Haddad criticou a cobertura dos escândalos na imprensa.

“O que eu não considero correto é todo o foco se concentrar em cima de um único partido. O que me parece desproporcional é isso”, disse.

“A imprensa faz um bom papel quando exige de todos em igualdade de condições. Quando centra sua atenção apenas num aspecto da questão ética, me parece ruim para a democracia.”

Comentário

Para a Procuradoria Geral da República, “chefe de quadrilha”. Para o PT de Lula e Fernando Haddad, “chefe de campanha“…

compartilhe

Tópicos ,