Notícias

Para analista financeiro, Trump deu sobrevida ao Twitter, mas rede cresceu pouco

Mesmo durante a “trumpmania”, Twitter ganhou 2 milhões de novos usuários, mas o Facebook recebeu mais novos inscritos: 72 milhões.

Rich Greenfield, analista do grupo financeiro BTIG, sinalizou as ações do Twitter de forma positiva ao mercado, fazendo com que elas subissem 2% na quarta-feira, mesmo diante da divulgação de um balanço não exatamente louvável. Motivo: Donald Trump.

Segundo o executivo, o presidente norte-americano teria dado uma “segunda chance” à empresa.

Ninguém aqui é especialista em mercado financeiro ou de capitais, de modo que qualquer análise desse tipo soaria (e seria) amadora perto daquela feita por Greenfield, mas ao menos os números podemos trazer à baila. E eles não são bons para o Twitter.

Seu crescimento, já considerado tímido, fica ainda mais lamentável quando comparado ao do Facebook.

Mesmo durante a “trump mania”, o Facebook ganhou mais usuários. Na verdade, MUITO mais. Enquanto o Twitter ganhou 2 milhões de usuários, a rede de Mark Zuckerberg recebeu 72 milhões.

De todo modo, não deixa de ser irônico que justamente Donald Trump tenha dado tal sobrevida à referida rede social.

Fonte: CNBC

To Top