Ponto de Vista

Lembra o fatiamento do impeachment? Graças a ele, petistas já querem Dilma candidata em 2018

No caso, para governadora do Rio Grande do Sul

É uma nota curta, vaga, quase irrelevante. Afinal, “petistas” pode significar alguns milhares ou milhões, ou meramente dois militantes. Fato é que o Estadão noticia que petistas tentam convencer Dilma Rousseff a se candidatar ao governo do Rio Grande do Sul. E possivelmente esta nota foi plantada para testar a ideia junto à opinião pública.

Nada disso estaria acontecendo, contudo, se Renan Calheiros e Ricardo Lewandowski, quando da votação final, não tivessem praticamente rasgado a Constituição Federal e promovido, diante das câmeras de todo o país, o que ficou conhecimento como “fatiamento do impeachment”. O Senado votou em separado e resultou na bizarrice inconstitucional até hoje ignorada pelo STF: Dilma Rousseff foi cassada, mas não perdeu os direitos políticos.

O Implicante aposta que ela não se candidatará. Porque quer crer que findará, assim, convocando protestos contra o fatiamento. E não restará à Justiça outra saída senão desfazer a escandalosa decisão.

Fonte: Estadão

Notícias Recentes

To Top