facebook
...
Blog

Autor da petição contra Renan quer entregar assinaturas a “presidenta”

Criador do abaixo-assinado propondo o impeachment de Renan Calheiros reconhece que iniciativa não resultará em afastamento

dilma-renan-renanzinho

Dilma entre os aliados Renanzinho e Renan Calheiros

Informação do jornal Folha de São Paulo:

Antes da eleição para a presidência do Senado, em 1º de fevereiro, uma ONG sediada no Rio de Janeiro conseguiu reunir mais de 400 mil assinaturas para tentar sensibilizar os congressistas a não escolher o favorito Renan Calheiros (PMDB-AL) para o cargo. Não deu certo.

(…)

Emiliano Magalhães Netto, 26, representante comercial do interior de São Paulo, havia assinado o documento pela manhã, via internet. À noite, ficou “indignado” com a notícia da eleição do senador: “Tínhamos acabado de ser chamados de palhaço”.

“Em menos de um minuto”, criou um novo abaixo-assinado, propondo o impeachment de Renan. O documento atingiu ontem a marca de 1,4 milhão de assinaturas.

A petição, no entanto, não tem poder para tirar Renan do cargo, como Netto reconhece -a legislação permite o início de um processo de cassação apenas com representação de um congressista ou de um partido político.

Seu objetivo, diz, é “afetar o mandato” do peemedebista. “Acho difícil ele renunciar. Um sujeito como ele não tem vergonha, não sente constrangimento”, afirma.

Surpreso com um sucesso “tão rápido”, ele agora quer levar as assinaturas “lá para Brasília”. “Queria entregar isso na mão da presidenta.”

Leia mais aqui.

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

3 Comentários

3 Comments

  1. Bruno

    17 de fevereiro de 2013 at 21:58

    Tá na cara que não vai dar em nada! Esse governo começou 2013 roubando. A foto fala por si!

  2. danir

    13 de fevereiro de 2013 at 11:27

    Eu assinei, e penso que se realmente as pessoas estiverem se conscientizando , será uma questão de tempo acabarmos com este cancer que é o governo petista/pmdebista. O número de assinaturas em sí já é uma vitória e um aviso para os sem vergonha e corruptos. É só ninguem desistir, continuando a luta sem quartel. Abaixo as ideologias de esquerda, abixo a teologia da libertação, abaixo o gayzismo, chega de corrupção. Não à liberação do aborto, não à descriminalização das drogas. Prisão para formadores de quadrilha e ladrões da coisa pública.

  3. Sidney

    12 de fevereiro de 2013 at 15:33

    Entrega para a “Faxineira” mas pega recibo.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top