Lula realmente disse em 1988: “Quando um rico rouba, ele vira ministro”

Em março de 2016, Dilma Rousseff tentou transformar Lula em seu ministro da Casa Civil. De lá para cá, vários delatores confirmaram que a intenção era evitar uma prisão por parte da operação Lava Jato. Na época, as redes sociais desconfiaram disso, e transformaram em piada palavras atribuídas ao ex-presidente quando ainda nem tinha concorrido a qualquer vaga no Palácio do Planalto.

Maurício Stycer lembrou que incluiu a frase de Lula em livro comemorativo da Folha de S.Paulo em 1996. Mas foi adiante: destacou que o primeiro registro dela se deu em 14 de fevereiro de 1988 em O Globo, mas seria reprisada um dia depois no próprio jornal paulista.

Acessando o acervo online da publicação na edição de 15 de fevereiro de 1988, é possível encontrar o recorte abaixo. O segundo parágrafo abre com as aspas: “No Brasil é assim: quando um pobre rouba, ele vai para a cadeia, mas quando um rico rouba ele vira ministro”.

Fonte: Acervo da Folha de S.Paulo
Fonte: Acervo da Folha de S.Paulo

São dois momentos que não podem ser esquecidos: o de 1988 e o de 2016.

About Marlos Ápyus

Jornalista e músico. Siga-o no Twitter (@apyus) ou no Facebook (/apyus), ou contribua com o crowdfunding (financiamento coletivo) clicando aqui.
View all posts by Marlos Ápyus →