facebook
...
Blog

Decisão correta: gestão Doria dará falta para funcionários que aderirem à “greve geral”

O movimento é contra reformas do governo federal.

Nesta sexta-feira, como todos sabem, haverá uma “greve geral” contra as reformas promovidas pelo governo de Michel Temer, especificamente a Trabalhista e a Previdenciária. Providencialmente, marcaram para uma sexta-feira cuja segunda subsequente é o 1/5, de modo que muita gente vai “parar” porque já emenda o feriadão.

Normal, faz parte. Porém, os empregadores também podem “cortar o ponto” e isso é algo correto especialmente quando se trata de um governo.

Nesse sentido, João Doria decidiu dar falta aos funcionários municipais que aderirem à greve.

Fonte: Folha de SP

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

Notícias Recentes

To Top