facebook
...
Blog

Dr. Hélio é cassado e petista preso pela PF é o novo prefeito de Campinas

Na madrugada deste sábado (20), a Câmara Municipal de Campinas cassou o mandato do prefeito Hélio de Oliveira Santos, o Dr. Hélio (PDT).

A crise em Campinas, que culminou com o impeachment do prefeito, teve início no dia 20 de maio, quando uma operação conjunta do Gaeco (Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado), do Ministério Público de Campinas, da Corregedoria da Polícia Civil e Polícia Federal cumpriu 20 mandados de prisão temporária conta integrantes do primeiro escalão do governo, empresários e lobistas.  Entre os detidos estavam auxiliares próximos a Dr. Hélio, incluindo o então vice-prefeito Demétrio Vilagra do PT.
Com a cassação do pedetista, quem assumiu o cargo foi Demétrio Vilagra, preso no dia 26 de maio quando voltava de férias na Espanha. É isso aí, o petista preso na operação, e que responde criminalmente na mesma ação que serviu de base para o pedido de impedimento de Dr Hélio é o mais novo prefeito de Campinas.

Este é o novo prefeito de Campinas

A história ocorrida em Campinas é intrincada e já foi tema de vários posts aqui no Implicante. Continuaremos acompanhando os desdobramentos de mais este episódio envolvendo integrantes do PT e em breve voltaremos ao assunto.
Por enquanto, você pode saber mais sobre o impeachment do Dr Hélio lendo a reportagem do Estadão. Para entender a história desde o começo é só consultar os nossos registros aqui.

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

1 Comentário

1 Comment

  1. Shlomo

    21 de agosto de 2011 at 09:36

    Se forem fundo nas investigações, chegarão ao novo esquema de arrecadação eleitoral do PT de Lullão Mensallão.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top