Blog

Estudo da FGV comprova que a segunda gestão Dilma ampliou a distância entre ricos e pobres

Pela primeira em 22 anos, observou-se um aumento da desigualdade pelo índice de Gini.

O índice de Gini é um indicador social pela FGV. Ele tenta medir a desigualdade do Brasil. Os resultados vão de zero a um, mas, quanto mais perto de um, melhor. E, pela primeira vez em 22 anos, observou que a distância entre os mais ricos e os mais pobres cresceu no país.

Em 2016, o Gini atingiu 0,5229, valor 1,6% maior que o medido em 2015. Com isso, toda a conquista social dos anos de 2014 e 2015 foi perdida.

Motivos alegados por Marcelo Neri, economista e diretor da FGV Social: desemprego e inflação. Ou seja… Os dois flagelos que tomaram o Brasil de assalto com o início do segundo e caótico mandato de Dilma Rousseff.

Em outras palavras, está comprovado que a segunda gestão Dilma deixou o brasileiro pobre ainda mais pobre.

Fonte: O Globo

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

To Top