facebook
...
Blog

FORA DILMA! Ou: Ensinando a oposição a fazer… oposição

Por Felipe Flexa*

Com três meses de reeleito, em 1999, FHC já era alvo de ameaça de impeachment por parte da turma de Tarso Genro. FHC não tinha acobertado mensalões, sua filha perdeu o Banco Nacional, o Bamerindus foi pro saco e sua Casa Civil estava inteira. A única suspeita era a compra de UM voto a favor da emenda da reeleição. UM, num universo de 510. Para se alterar a Constituição, precisa-se de 3/4 do Parlamento. Foi o suficiente para que o PT saísse às ruas, procurasse sua quinta coluna na imprensa e bradasse a plenos pulmões: “Fora, FHC!” Sinto muito, caros tucanos, mas preciso reconhecer: o PT nunca fez oposição pro bem do Brasil (só pensam neles), mas sabem fazer oposição.

Sei que não tenho influência, mas às vezes me pego querendo ensinar a oposição a fazer… oposição. Falo, lógico, do PSDB e seus 44 milhões de votos. É uma tarefa árdua, trabalho de Sísifo, principalmente porque os tucanos têm nojinho de… fazer oposição. Se o PT exigia Fernando Henrique fora do Planalto sem o menor motivo, por que o PSDB com muitos motivos, não pede o impeachment de Dilma Rousseff?

A corrupção corre solta na Casa Civil. Não é de hoje. O braço direito de Dilma, Erenice Guerra, foi acusada de tráfico de influência. Um de seus porquinhos, Antônio Palocci, ficou milionário em quatro anos. Como? Ah, deixa pra lá.

Dilma não sabe escalar uma equipe, não tem autonomia de voo, Dilma é um engodo. Seu governo não durou seis meses. Por que manter por quatro anos na presidência alguém que não tem a menor capacidade para administrar um país? Só porque é mulher? E cadê as feministas? Lembro de amigas minhas, as quais prezo bastante, se orgulharem com a eleição de uma mulher para a presidência. Mas quando a coisa ficou ruim, foram chamar um macho que entende das coisas, o Lula, lá em São Bernardo. Ele veio para ensinar a Dilma como é que se faz: “Olha, moça, vai pra cozinha, que agora o que vai rolar aqui é papo de homem.”

Para que manter por quatro anos no poder máximo da República uma mulher que não pode demitir um ministro trapalhão, como Fernando Haddad? Ou um que se recusa a dar qualquer explicação?

A oposição, quando era governo, assistiu calada às encenações de Pedro Simon pedindo a demissão do ministro das Comunicações, Luiz Carlos Mendonça de Barros. Simon conseguiu o que queria. Mendonça caiu. Ninguém no PSDB levantou palha pelo sujeito.  Recentemente provou sua inocência assim como o chefe de gabinete de Fernando Henrique, Eduardo Jorge Caldas Pereira, perseguido brutalmente pelas tropas petistas do Ministério Público. Tá vendo, PSDB? O PT sempre impôs a agenda. (Anos depois, Simon se calaria diante do impoluto Collor de Mello que o chantageou no Senado: “São palavras que eu quero que o senhor as engula e as digira como achar conveniente.” Simon, o pirotécnico franciscano, obedeceu…)

Hoje a oposição, passiva e numa guerra fratricida, é incapaz de botar abaixo um governo frágil, amorfo, cujos integrantes vivem a dar tiros nos próprios pés. Num país sério, Dilma teria renunciado. E mais: o PT se atrapalha sozinho e a oposição fica pensando em quem vai mandar em institutos e conselhos políticos.

Existisse de verdade, estariam os opositores pedindo não a cabeça de Palocci (nem isso conseguem), mas a cabeça da chefa. Daquela que “escolheu” e “montou” a equipe.

Reconheço, porém, que é esperar demais. Mesmo assim, digo do meu pequeno bunker: fora, Dilma!

 

* Felipe Flexa é roteirista de TV. No Twitter, @felipeflexa

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

12 Comentários

12 Comments

  1. rodrigo

    13 de dezembro de 2011 at 15:53

    Agora com essa do código florestal… tomara que ela não aceite esse código que vai desmatar o Brasil.
    Impeachment Dilma!
    E cuidar também com esse Aldo Rebelo.

  2. Francisco Ramos

    9 de setembro de 2011 at 23:05

    Estou em Leipzig e voltarei à carga daqui a três meses. Mesmo respirando o clima do grande Bach, aqui
    sepultado, discordo de tudo que foi postado, exceto que a alternância de poder é salutar para a democracia.
    Mas esta oposição brasileira………………………………………………………………………………….. !

  3. Thiago Bastos

    4 de setembro de 2011 at 10:53

    Para se tirar a Dilma teríamos que derrubar também o Michel Temer para não cairmos em desgraça como na época do Senhor José Sarney(1985 – 1990) onde vimos nas eleições de 1986 o maior estelionato Político da História onde se elegeu 22 dos 23 Governadores do PMDB e o único Estado que deu vitória do PDS foi Sergipe um dos menores senão o menor.
    As maiores taxas inflacionarias que batia a casa de 1000% ao ano na casa de 83% ao mês!!!
    Será que vamos querer aquilo para nós?
    O povo já ganha um Salario de fome enquanto os nossos Parlamentares recebem mais de 26 mil reais e vem essa senhora que “governa nossa Pátria junto com esse Ministro de merda o Senhor Guido Mantega que nem Brasileiro é dizer que não da para aumentar o Salario Minimo!!!
    Em 2012 pretendo ser candidato a Câmara Municipal de São Paulo e aqui na Capital vamos lutar pela moralidade e por leis que beneficiem a todos!!!

    Juntos por São Paulo, Unidos pelo Brasil!!!

    Thiago Bastos PSDB-SP

  4. Isabelle Valentine

    26 de julho de 2011 at 00:03

    Urgente para todos Brasileiros

    Vamos fazer o inpitmam de Dilma Roussef
    Reenviando…
    Estamos vivendo talvez a melhor oportunidade de nos tornarmos uma grande nação. Para isso, precisamos priorizar o ensino, saúde e segurança dos nossos filhos e netos, e principalmente, deixarmos de sermos omissos às grandes questões do momento: Corrupção, reforma judicial, política e tributária. Não é mais possível trabalharmos para sustentar essa roubalheira que perigosamente aceitamos como “sem jeito”…

    Precisamos entender que nosso silêncio e omissão é o combustível que alimenta a impunidade, pois sabemos que quem cala está concordando com o que está acontecendo e com isso, se torna cúmplice.

    Rail

    CONVOCAÇÃO

    O POVO BRASILEIRO ESTÁ CONVOCADO PARA A GRANDE MANIFESTAÇÃO DE PARALISAÇÃO
    DIA 1º DE AGOSTO DE 2011, SEGUNDA-FEIRA
    SEGUINDO O EXEMPLO DO POVO ÁRABE, QUE SE CANSOU DO GOVERNO, OS BRASILEIROS NÃO PODEM MAIS SUPORTAR / ACEITAR QUE SEUS GOVERNANTES FAÇAM DESTE PAÍS UM NEGÓCIO DE ENRIQUECIMENTO PRÓPRIO E NOS DEIXEM AO DESCASO DA IRRESPONSABILIDADE DOS ÓRGÃOS PÚBLICOS.
    PRESTEM ATENÇÃO:

    – auxílio-reclusão = média de R$ 586,51;
    – salário-mínimo = relutantemente R$ 545,00;
    – custo médio do presidiário em MG = R$ 1,7 mil;
    – custo médio do estudante de Ensino Fundamental e Médio em MG = R$ 149,05.
    É O “PAÍS DO TUDO PODE”!
    REFORMA POLÍTICA JÁ: redução do número de senadores, deputados fed est e vereadores !!
    REFORMA JUDICIÁRIA JÁ !!
    REFORMA TRIBUTÁRIA JÁ !!

    SOMENTE DESSA FORMA, FICAREMOS COMPETITIVOS COM O MUNDO AÍ FORA (CHINA ETC.).

    JÁ NÃO TEREMOS AS REFORMAS NOS AEROPORTOS E ESTÁDIOS DE QUE PRECISARÍAMOS – A COPA E AS OLIMPÍADAS ESTÃO SE APROXIMANDO, E POUCA COISA NOS FICARÁ COMO ESTRUTURA. SERÃO DADOS ”JEITINHOS”, E PAGAREMOS ALTO, TENHA CERTEZA!

    CARAS-PINTADAS EM AÇÃO: OS POLÍTICOS PRECISAM ESTAR SOB O NOSSO CONTROLE, SEREM NOSSOS FUNCIONÁRIOS, NOSSOS REAIS REPRESENTANTES.

    NÃO À IMUNIDADE PARLAMENTAR!
    NÃO À CORRUPÇÃO!
    NÃO À POUCA VERGONHA PÚBLICA!

    O BRASIL PRECISA MUDAR E VOCÊ PRECISA ESTAR CONOSCO. SOMENTE UNIDOS, IREMOS MUDAR O NOSSO PAÍS.

    NOSSO POVO ESTÁ MORRENDO NAS FILAS DOS HOSPITAIS PÚBLICOS, AMBULÂNCIAS E EQUIPAMENTOS COMPRADOS JÁ DERAM A ALGUM POLÍTICO OU AUTORIDADE SUA COMISSÃO, NO ENTANTO ESTÃO PARADOS, ESTRAGANDO-SE, POIS NÃO DARÃO MAIS LUCRO, SOMENTE DESPESAS. CONTRATAÇÃO DE PESSOAL E ATENDIMENTO DA POPULAÇÃO NÃO ERAM OS SEUS PENSAMENTOS.

    REFORMA PRISIONAL JÁ !!
    SOMENTE NO BRASIL, EXISTE TANTO BENEFÍCIO PARA QUEM ESTÁ PRESO. ESTRUTURA PARA RECUPERAÇÃO DO PRESO AO INVÉS DE VISITAS ÍNTIMAS E OUTRAS FACILIDADES!

    MOVIMENTE-SE, CRIE GRUPOS DE DIÁLOGOS, UNA-SE A OUTROS GRUPOS E ENTIDADES, PROCURE A COMUNIDADE, SUA ASSOCIAÇÃO DE BAIRRO, SEUS AMIGOS, A IMPRENSA E EMPRESÁRIOS.

    SOMOS UM POVO PACÍFICO, SIM, E NÃO PRECISAMOS DA VIOLÊNCIA PARA FAZER VALER OS NOSSOS DIREITOS, MAS NÃO PODEMOS FICAR DE BRAÇOS CRUZADOS ESPERANDO ESSA CORJA DE POLÍTICOS CORRUPTOS E FORMADOS PELOS SEUS PRÓPRIOS INTERESSES SE INTERESSAREM POR NÓS. PRECISAMOS AGIR E MOSTRAR QUE NÓS OS ELEGEMOS E QUE É POR NÓS QUE ELES ESTÃO NO GOVERNO E QUE, POR MENOR QUE SEJA O DESLIZE, NÓS TEMOS O DIREITO DE CAÇAR O SEU MANDATO.
    PRECISAMOS DE UMA POLÍTICA LIMPA, DE CARÁTER E SERIEDADE.
    FORTALECER OS PODERES LOCAIS, COMUNIDADES E BAIRROS NO CONTROLE DE SUAS FINANÇAS E PRIORIDADES, COMO NOS EUA.

    O BRASIL TEM-SE MOSTRADO UM PAÍS RICO – RICO EM PETRÓLEO, MINERAIS, TURISMO, CULTURA ETC. AGORA PRECISA APRENDER A DIVIDIR ESSA RIQUEZA COM SEU POVO, ATRAVÉS DE UMA MELHOR EDUCAÇÃO, SAÚDE PÚBLICA, SEGURANÇA E ESTRUTURA INDUSTRIAL E PRODUTIVA, PARA QUE ASSIM POSSAMOS TER UM PAÍS JUSTO E FORTE.

    PROGRAME-SE, SEGUNDA FEIRA, DIA 1º DE AGOSTO, TODO O BRASIL NAS RUAS, PROTESTANDO E EXIGINDO MUDANÇAS, OU NUNCA SEREMOS LEVADOS A SÉRIO E FICAREMOS SEMPRE NO TERCEIRO MUNDO. E OS POLÍTICOS CONTINUARÃO SE ENRIQUECENDO E DESFRUTANDO OS BENEFÍCIOS DA VIDA PÚBLICA CORRUPTA.
    OS MINISTROS DO STF E DO STJ NÃO DEVERÃO MAIS SER NOMEADOS PELO PRESIDENTE DA REPÚBLICA. DEVERÃO SER NOMEADOS POR UM COLEGIADO DE MAGISTRADOS, LEVANDO EM CONTA SUA NOTORIEDADE, CONHECIMENTO JURÍDICO E, SOBRETUDO, SUA HONESTIDADE.

    CHEGA, EU NÃO SOU CÚMPLICE DISSO….!!

    PODEMOS EXIGIR MUDANÇAS, FAÇA A SUA PARTE !!!!

    COMECE ENVIANDO ESSA MENSAGEM AO MAIOR NÚMERO DE PESSOAS QUE VOCÊ PUDER.
    Faça apenas o que você pode fazer!!!

  5. Felipe Flexa

    5 de junho de 2011 at 14:37

    Arthur, impeachment é um processo que se dá no Parlamento e a sua abertura tem que ser aprovada no Congresso. A renúncia é um ato unilateral, pessoal e intransferível. Golpe é cercar o Palácio do Planalto com tanques e ameaçar o (a) presidente (a): ou sai ou morre. Não vejo como posso estar defendendo um golpe.

  6. Impechment de DILMA JÁ.

    4 de junho de 2011 at 21:13

    Collor foi caçado por muito menos.
    Chega de PT, nunca antes neste pais houve tanta roubalheira sem punição. Se os brasileiros não abrirem úrgentemente os olhos e pararem de acreditar nas mentiras do FASCISTA LULA DA SILVA, em pouco tempo estaremos passando o que a libia vem passndo. O PT, é o câncer do Brasil.

    Impechment de DILMA JÁ. e tem motivos sim, defender bãndidos a exemplo de Palocci o caixa dois da campanha Petista Brasilo a fora.

    Impetchment JA DE DILMA.

  7. danir

    4 de junho de 2011 at 21:04

    Parece que o Alexandre não tem noção. Se fossemos apurar todas as desonestidades do pt e de sua turma incluindo a Dilma, impeachment seria sim algo viável. O que não aconteceria com o FHC, por não have motivos para tal medida durante seu governo. Na minha opinião o de FHC foi o melhor governo do Brasil que eu já vivi; apesar de todas as inconsistências, que ademais são fáceis de encontrar em qualquer governo, seja decente como o de FHC, ou lastimável como os de Lula e da Dilma. Temos que nos preparar para as próximas eleições, e encontrar uma nova oposição que não seja covarde, omissa e inepta como esta que aí está.

  8. rodrigo

    4 de junho de 2011 at 17:41

    Sim, o impeachment do Collor foi um Golpe. POr muito menos Collor caiu, mas era outra época.

  9. Arthur

    4 de junho de 2011 at 15:42

    Tem gente que precisa ler mais pra saber a diferença entre renúncia e golpe.
    1964 foi uma coisa, 2011 é outra.

    Golpe é quando um governo PERDE um plebiscito e, alguns (pouquíssimos) anos depois, resolve tentar aprová-lo no tapetão.
    Se for assim, vamos voltar ao plebiscito da Monarquia! Eu já adianto que meu voto seria pelo Rei.
    Ou todos os brasileiros mudaram de idéia, ou são burros (o segundo, que condiz mais com a lógica de pensamento e doutrina de treinamento do PT, vide MEC).

    Isso é só um exemplo, pequeno, aliás.

  10. alexandre

    3 de junho de 2011 at 23:42

    Me desculpe mas isso se chama golpe. Como seria golpe o impechment do FHC em 1999. Saber aceitar a derrota também faz parte da democracia.

    • Implicante

      4 de junho de 2011 at 13:22

      O impeachment de Collor também foi golpe?

  11. Ale

    3 de junho de 2011 at 16:51

    Fica difícil haver oposição em um país em que todos os partidos políticos só querem cargos e aumento de gastos e de poder do Governo.

    Salvo uns poucos nomes na política, a oposição é composta por covardes que não sabem brigar.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Recentes

To Top