facebook
...
Blog

Haddad mentiu: Taxa de inspeção veicular será mantida

Contrariando uma de suas maiores promessas de campanha, prefeito abre licitação para nova inspeção

aweefi6fibifoijy0hz5eml5k

Matéria do Estadão:

SÃO PAULO – Com mais de dois meses de atraso foi lançado o edital da nova inspeção veicular. A ordem de início do processo de licitação foi publicada nesta terça-feira, 15, no Diário Oficial da Cidade. A partir dela, a Prefeitura vai escolher quatro empresas para assumir o serviço em São Paulo, conforme anunciado em janeiro pelo prefeito Fernando Haddad (PT). Cada uma ficará responsável por uma região da cidade: zona norte, zona sul, centro-oeste-leste e zona leste. De acordo com as regras, o valor máximo da tarifa não poderá passar de R$ 40,86 nos primeiros 12 meses.

Se o cronograma estabelecido pela Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente for obedecido, o resultado da licitação será conhecido em maio, mas a volta da inspeção é prevista apenas para o segundo semestre. Na análise mais otimista, isso deve ocorrer entre agosto e setembro. Isso porque o edital prevê que as vencedores comecem a oferecer a vistoria de forma gradual, 90 dias após a assinatura do contrato.

Cada vencedora terá de montar ao menos quatro centros de inspeção por lote – os antigos já foram desativados pela Controlar. Única empresa que ofereceu o teste na capital, a Controlar suspendeu suas atividades em 31 de janeiro, depois de a gestão Haddad ter considerado o contrato extinto. Desde então, o serviço está suspenso.

Os novos centros terão de funcionar de segunda a sábado, das 7h às 19h. Segundo o edital, as empresas vencedoras serão obrigadas a realizar o serviço em, no máximo, 30 minutos. De acordo com a nova legislação aprovada pela Câmara Municipal no ano passado, o teste passa a ser exigido apenas de veículos com mais de 3 anos de uso, e de forma bianual. Ou seja: dos quatro aos nove anos de uso, a vistoria será exigida a cada dois anos e somente a partir dos dez anos de uso, passa a ser anual. Veículos movidos a diesel são exceção. Caminhões, ônibus e vans continuam obrigados a passar pela inspeção todos os anos.

Nos cálculos da Prefeitura, 2,9 milhões de veículos devem ser submetidos à inspeção ainda neste ano. Os contratos terão validade de 5 anos. No início de cada ano, o valor da taxa será reajustado pela inflação.

(…)

Comentário

Vale lembrar o que o prefeito dizia durante a campanha:

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=EDoX1ntKBYA[/youtube]

Sem meias palavras.

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

3 Comentários

3 Comments

  1. Konk

    24 de abril de 2014 at 15:59

    Tinha que ter um jeito de punir esses caras que prometem e depois de eleitos não cumprem o que prometeram. Que país é este? Nunca mais em minha vida voto em qualquer candidato do PT, não que tenha votado neste poste, mas votei no Lula uma vez por causa do meu pai que estava para se aposentar e achava que o Lula ia acabar com o fator previdenciario implantado pelo FHC. Coitado esse também cai no conto do vigário.

  2. Bruno

    16 de abril de 2014 at 20:54

    Aguardando o próximo episódio d’O Passador de Conversa!

  3. Éric Martins da Costa Lima

    16 de abril de 2014 at 19:40

    Ele faz parte da facção governamental do falso testemunho e da mentira, que é o grande combustível para os PTRALHAS desenvolver esse projeto de governo deles. Que é a submissão do povo,tirando o direito de liberdade!!!!

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top