Blog

Kennedy, o Robin do Franklin, diz o que o PT quer que você ouça

Alguém conseguiria imaginar um clássico entre Corinthians e Palmeiras, final de campeonato, tendo como árbitro um ex-jogador que já foi sócio e ídolo de um dos clubes – e ainda deve guardar com amor no fundo de alguma gaveta aquela foto da final de 85? Com o perdão da analogia futebolística à Lula, foi o que aconteceu em um dos debates presidenciais do 2° turno de 2010 – guardadas as devidas proporções -, sem maiores alardes ou protestos da oposição.

 

 

Uma das mentiras mais caras ao petismo é a fábula da “mídia conspiradora de direita”, cujos grandes expoentes seriam os grupos Globo, Abril, Folha e Estado de S. Paulo. O colunista da Folha (e mediador do debate da RedeTV em 2010) Kennedy Alencar é uma boa medida do tamanho da injustiça cometida.

Kennedy foi assessor de imprensa do PT entre 1994 e 1995. Deixou o partido para virar “servo da imprensa golpista” e mesmo assim não perdeu o prestígio com a companheirada, que sempre lhe sopra informações direto do “círculo íntimo” do poder: o apelido do título vem da ocasião em que ele teve acesso a uma sentença judicial envolvendo o então ministro Franklin Martins (sempre me vem à cabeça o filme Point Break – Caçadores de Emoção quando vejo esses nomes de presidentes americanos…) antes mesmo dela ser assinada.

Nixon, Carter, Reagan e Johnson. Franklin e Kennedy não compareceram a este evento

***

Essa semana o PT deu início (de forma extra-oficial ou não-contabilizada, é claro) sua campanha com vistas às eleições municipais de 2012. Duas notas na coluna de Monica Bergamo na Folha de ontem (íntegra para assinantes) dão conta da estratégia do partido. Leiam com atenção:

DIVISÃO DE TAREFAS

O ex-presidente Lula gravou nesta semana participação nos comerciais do PT, que vão ao ar a partir do dia 30. Será a estrela das propagandas, junto com Dilma Rousseff. Os dois vão aparecer sozinhos, em peças diferentes. No roteiro, Lula falará mais para o “povão”. A presidente, para a classe média.

BOLEIA
Um estrategista do PT afirma que a tentativa de transformar Dilma em um “anti-Lula”, elogiando a presidente e contrapondo seu governo ao do antecessor, facilitará a vida do partido. “Em São Paulo, a gente coloca o Lula no caminhão na periferia. Vem de Guaianases, Itaquera, Jardim Ângela. Chegando perto do centro da cidade, ele desce do caminhão e a Dilma sobe para falar para a classe média do Tatuapé, dos Jardins, de Higienópolis.”

 

Coincidência

No mesmo dia 22/04 é publicada a coluna semanal de Kennedy no site do jornal. Título? A diferença entre Dilma e Lula

Alguns podem estranhar que um colunista “de carteirinha” como ele, que demonstra um grau de alfabetização bem superior ao de qualquer um dos que trilharam o caminho inverso – depois de demitidos da grande mídia má, descobriram a vocação “progressista” – e prosperaram, nunca tenha sido cotado para um ministério, secretaria, presidência de estatal ou contrato nababesco com emissora de TV pública. Muito pelo contrário, aliás: o Robin do Franklin tem expandido sua presença na RedeTV (onde apresenta um programa de entrevistas muito cordiais, quase sempre com políticos relacionados ao governo) e na rádio CBN, do famigerado grupo Globo de comunicação.

Trata-se, na verdade, de um bom negócio para quase todos os envolvidos: além dos óbvios em termos de carreira para o próprio jornalista e para o político que quer fazer passar seu “recado” ou “versão” sem precisar mostar a cara, os veículos lucram publicando as informações e entrevistas exclusivas, e acabam atraindo um público que normalmente os rejeita – afinal, eles fazem parte da grande conspiração da direita. Só quem perde é o leitor/espectador/ouvinte comum, que nem sempre percebe que está recebendo a “versão oficial” travestida de “apuração de bastidores”.

Em sua defesa, vale ressaltar que, ao contrário do “jornalismo de serviços”, este ao menos é financiado com dinheiro 100% privado…

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

17 Comentários

17 Comments

  1. Bruno

    2 de maio de 2011 at 19:50

    Este Kennedy é risivel fazendo cara de imparcialdiade.

  2. Paulo Paulada

    1 de maio de 2011 at 11:32

    Ué, mas cade o contrato do Kennedy entao? Pelo que entendi você está supondo algo baseado no fato de que o Kennedy foi do PT.
    Veja bem, estou em defesa do Kennedy, aqueles blogs que vocês criticam por serem comprados, eu to careca de saber que são mesmo, não virei aqui defender P… nem L… agora, o Kennedy é um excelente jornalista, ele tem sim acesso mais profundo aos corredores do PT, mas tem também vários amigos e informantes no PSDB, tanto que vira e mexe publica coisas sobre o gov. paulista.
    O que vocês estão fazendo com o Kennedy é pura implicância mesmo, coisa de chorão, as entrevistas do Kennedy com FHC e com o Serra foram excelentes, em nenhum momento ele ofendeu ambos, pelo contrário, conseguiu mostrar lados e posições interessantíssimas dos dois.
    Vocês que na cegueira estilo Tio Rei estão viajando na maionese.

    • Implicante

      1 de maio de 2011 at 16:46

      “Paulo”, você leu o texto? Pule direto pra última linha, ao menos… Não há nenhuma suposição no texto – ou você pretende contestar algum fato descrito acima?

  3. Paulo Paulada

    1 de maio de 2011 at 01:33

    Ai esse Kennedy não é fáceo né?
    (***EDITADO*** “Paulo”, a coisa funciona assim aqui: se a gente diz que determinado jornalista recebe do governo, mostramos contrato, edital, nomeação, damos link etc. Se você quiser fazer o mesmo com jornalistas de quem você não gosta, mande as provas que publicaremos aqui com o maior prazer. Acusar assim como você fez é fácil demais, né?)
    bejão amiguinhos.

  4. Dhiogo

    29 de abril de 2011 at 22:37

    Por falar em Confecom, ela estava infestada da cumpanheirada da Caros Amigos que distribuíam revistas a torto e a esquerda enquanto se bradava gritos de “controle social”.

  5. João

    28 de abril de 2011 at 15:36

    “Deixa eu ver se entendi: você quer 100% da imprensa batendo palmas pro governo? Só isso seria prova de que não existe conspiração golpista da direita?”

    É

    “Sério, você achou UM post do Azenha criticando a Dilma? Volte aqui quando terminar de contar os posts com críticas à oposição, por favor: https://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/tag/oposicoes

    Acho que não terminou. E nem achou o suposto post do cara de porco criticando a presidentA.

    “Democracia é isso : é termos um blog do PHA e ao mesmo tempo um blog de oposição chamado implicante”

    Né não. O blog do obreiro chapa branca é financiado com dinheiro público. E isso não é nada democrático.

  6. Romulo

    27 de abril de 2011 at 20:23

    Eu lí o artigo dele, e não achei nenhum pouco manipulado. Acho que ele simplesmente mostrou o que está bastante claro pra todos – que a política econômica da Dilma é diferente da do Lula. Acho que isto está claro, não está? A equipe mudou, e as ações que estamso vendo são diferentes também. Resta saber se vai dar certo (ou não!)

  7. eder

    26 de abril de 2011 at 07:23

    …toda vez que vejo esse pseudo jornalista me lembro daqueles bonequinos playmobill…durinho, retinho, cabelinho perfeitinho e…totalmente manipulável…!…coisinha…

  8. Shlomo

    25 de abril de 2011 at 10:04

    Daniel Faria e Alexandre: vocês estão por dentro das tentativas diretas de controle da mídia pelo PT? Claro que sim – PNDH, CONFECOM, congressos do PT, declarações e posicionamentos do Lulla reiteradamente *contra* a imprensa livre.

    Agora, quero lhes apresentar às tentativas INDIRETAS: verbas publicitárias bilionárias, como NUNCA se viu no mundo inteiro. Coisa indecente, vocês hão de convir…

    Querer comparar Reinaldo Azevedo com Kennedy Alencar? O RA é extremamente transparente. Já o KA finge ser isento para ter credibilidade. Quem tem mais credibilidade entre os dois? RA nunca fingiu ter posições contrárias ao seu pensamento para se dar bem. Já o KA…….

    E colocar Azenha, PHA no rolo? Eles nem imprensa são. O circo petista tem uma lona bastante grande para quem quiser uns trocados, e lá estão eles a fazer dinheiro.

  9. Daniel Faria

    24 de abril de 2011 at 20:24

    Não, eu quero uma mídia que veja os defeitose os acertos do governo.

    Por exemplo: o Luiz Carlos Azenha, um dos “blogueiros progressitas”, outro dia fez um texto cheio de críticas ao governo Dilma. Mas eu nunca vi o Reinaldo Azevedo criticar a oposição.

    • andremc

      24 de abril de 2011 at 20:43

      xiii, será que a EBC atrasou o pagamento ou não quiseram renovar o contrato dele nos mesmos termos to Nassif?

      Sério, você achou UM post do Azenha criticando a Dilma? Volte aqui quando terminar de contar os posts com críticas à oposição, por favor: https://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/tag/oposicoes/

  10. Rangel

    24 de abril de 2011 at 15:08

    Sugestão de aposta: Quanto tempo vai demorar até o K.A. criar um blog progressista e um Banner da Caixa?

  11. alexandre

    24 de abril de 2011 at 13:44

    discordo. acho uma posição muito radical dizer que imprensa é oposição. a imprensa cobre os fatos, independente de ser favorável ou não ao governo. vou dar um exemplo do que acontece aqui no rio de janeiro. a cidade recebeu as upps e os índices de violência diminuiram. a imprensa toda parabeniza o trabalho do secretário josé mariano beltrame. pela lógica de vcs e do millor fernandes, a imprensa nunca deveria reconhecer o bom trabalho dele. seria toda a imprensa assessoria do beltrame ou só está reconhecendo que na área da segurança pública, a cidade melhorou ? e elogiar os baixos índices de homicídios no estado de sp ? seria assessoria ou reconhecimento a um fato histórico de que pela primeira vez um estado brasileiro está fora da faixa de violência epidêmica da oms ? aliás, nesse último fato, boa parte dos blogs de oposição fizeram elogia ao estado de sp. seria assessoria ? eu acho que não ! o estado de sp e sua gestão estão de parabéns por essa conquista. não acredito que os blogueiros que elogiam o estado de sp são “chapa branca” do governo do psdb

  12. alexandre

    24 de abril de 2011 at 10:26

    A grande verdade é que a maioria dos jornalistas tem ligações com políticos. Cabe a nós, conseguir filtrar o que é notícia ou o que é propaganda. Temos exemplos de jornalistas tucanos notórios na nossa imprensa como o Reinaldo Azevedo e Augusto Nunes. Leio o blog deles mas sempre com uma olhar crítico, principalmente quando envolve o Serra. O do PHA é um que tem um nítido envolvimento com o governo e sempre leio com um pé atrás. Não existe imprensa 100% governista e nem 100% oposicionista em nenhum lugar democrático do mundo. Nos EUA temos jornais que são assumidamente democratas e outros assumidamente republicanos. O que existe na imprensa brasileira é um patrulhamento ideológico. Qual o problema de um jornalista ter preferência política ? É uma pessoa como qualquer outra ! O que não pode é manipular informações para um ajudar um político de sua preferência. Aí, pega mal ! Essa coisa que imprensa tem que ser de oposição parece uma postura um pouco ditadorial. Democracia é isso : é termos um blog do PHA e ao mesmo tempo um blog de oposição chamado implicante. Acho que os blogs perdem muito tempo um falando mal um do outro, ou criticando jornalistas que tem opiniões divergentes. Poderiam discutir mais os temas do país. E essa crítica vale os dois lados, tanto para os blogs ” progressistas” quanto para os de oposição.

    • andremc

      24 de abril de 2011 at 11:56

      Alexandre, imprensa a favor é assessoria, e não jornalismo.

      “Imprensa é oposição. O resto é armazém de secos e molhados” – Millôr Fernandes

  13. Daniel Faria

    23 de abril de 2011 at 17:42

    Peraí, você quer acabar com a tal fábula da “mídia conspiradora de direita” com o exemplo de UM colunista? Não conheço o trabalho do Kennedy Alencar, mas e o Diogo Mainardi? E o Merval Pereira? E o Guilherme Fiuza? São todos comparsas do malvado Franklin Martins também?

    • andremc

      23 de abril de 2011 at 18:39

      Daniel, ainda trataremos de outros colunistas aqui na seção PIG (Partido da Imprensa Governista).

      Deixa eu ver se entendi: você quer 100% da imprensa batendo palmas pro governo? Só isso seria prova de que não existe conspiração golpista da direita?

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top