Blog

Ministro do Turismo pagou governanta com verbas públicas por 7 anos

O ministro do Turismo Pedro Novais pagou o salário da governanta de seu apartamento particular em Brasília com dinheiro público durante 7 anos, quando exercia mandato de deputado federal. Reportagem da Folha de S. Paulo (íntegra para assinantes):

O ministro do Turismo, Pedro Novais (PMDB), 81, usou dinheiro público para bancar o salário da governanta de seu apartamento em Brasília. O pagamento é irregular: foi feito de 2003 a 2010, quando Novais era deputado federal pelo PMDB do Maranhão. A empregada Doralice Bento de Sousa, 49, recebia como secretária parlamentar na Câmara, nomeada por Novais.

A Folha apurou que ela não dava expediente no gabinete de Novais nem no escritório político no Estado de origem, precondições para o uso de verbas parlamentares para pagar assessores. Dora fazia tarefas no apartamento de Novais: cozinhava, organizava a casa e chefiava a faxina das diaristas. Ela dormia com alguma frequência na casa de Novais e acompanhava a família ao Rio, onde o ministro tem um apartamento, e ao Maranhão.

Comentário

Novais ficou conhecido como “o ministro do motel” desde antes de sua nomeação, quando se descobriu que ele havia pago uma conta de motel também com verbas públicas. Além disso, como lembra a reportagem da Folha, também foi flagrado em escutas da Polícia Federal pedindo ajuda a Fernando Sarney para beneficiar um aliado na Justiça Eleitoral. Já empossado, assinou apenas um ato oficial em seis meses. Em agosto, o secretário-executivo do Ministério foi preso por corrupção. Alguns dias depois, revelou-se que Novais havia destinado, quando deputado, R$ 1 milhão do Ministério do Turismo para obra que será executada por uma empresa de fachada em município sem perfil turístico.

Dilma ignorou solenemente as primeiras denúncias que surgiram contra Novais quando ele ainda não fazia parte do governo, e nomeou-o mesmo assim. No entanto, quando ela finalmente decidir demitir o ministro do Turismo podemos contar com uma certeza: haverá petistas celebrando a dureza da presidente no combate aos malfeitos em seu governo.

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

2 Comentários

2 Comments

  1. Gustavo Noronha Silva

    14 de setembro de 2011 at 20:59

    Aqui em Minas tem um caso que parece muito com uso de verba indenizatória pra pagar empregada doméstica. Se você for no https://montanha.kov.eti.br/, que reúne os dados de gasto com verba indenizatória da legislatura passada de Minas Gerais, clicar em ‘Todos os gastos’ e escrever ‘Maria Rita’ na caixinha de busca você vai ver um pagamento mensal, por alguns meses, de R$510,00 da deputada Maria Tereza Lara, do PT, para “Maria Rita Rodrigues Rocha”, sob a categoria “Locação de imóvel e despesas a ele concernentes”.

  2. Ismael Pescarini

    13 de setembro de 2011 at 15:18

    Novaes é o que Dilma chamou “gente de bem” na entrevista com Patrícia Poeta, que aliás é uma mulher belíssima e muito elegante.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top