facebook
Blog

Ainda Nassif (é, eu sei…): esclarecimentos, fatos e provas sobre os processos judiciais

Houve uma comemoração com a presença de blogueiros progressistas e também José Dirceu, considerado “chefe de organização criminosa”, no inquérito do Mensalão, pelo Procurador da República indicado por Lula. Deve ter sido animado.

O problema é quando Nassif resolve falar sobre processos judiciais e, bom… Não esclarece exatamente todos os pontos. Vejam o vídeo abaixo.

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=b5jKt0OCzRk[/youtube]

Fundamentos
Sobre os processos contra a Veja, é FATO que ele perdeu de Diogo Mainardi, ao menos em primeira instância, cabendo evidentemente recurso. Ele não diz isso e, ao falar de ações que moveu contra a Veja, alega que “nenhuma ainda passou nem na fase inicial”. Essa passou.

Ao falar do processo que moveu contra mim – e PERDEU (sim, Nassif, vc perdeu…) – ele diz que o juiz de primeira instância “anulou o julgamento”. Não é verdade (óbvio, basta conhecer Direito para saber disso).

O juiz NÃO ACEITOU o pedido feito por Luiz Nassif, julgando-o IMPROCEDENTE e dizendo que eu – o requerido naquela contenda – apenas NOTICIEI FATOS ao falar de sua relação com o BNDES no tal blog.

Nassif também falou sobre custas na comemoração da revista (que deu origem ao vídeo). Ao contrário do que ele disse (óbvio!), claro que processos eletrônicos ensejam o pagamento de custas, tanto que… ELE AS RECOLHEU quando propôs a ação.

Consultem o processo por aqui e, uma vez na página, cliquem no ícone da “pastinha” (ao lado dele, há os dizeres “este processo é digital…”). Abrirá um PDF e, se ficar em branco, só clicar na página desejada.

Vocês vão ler todas as peças, decisões etc. E também o recolhimento de custas. Mas a parte de que mais gosto é mesmo a sentença, confesso.

Dados:
Processo 0347416-67.2009.8.26.0100
2ª Vara do Juizado Especial Cível – Vergueiro
Foro Central Juizados Especiais Cíveis

Já o processo movido por Diogo Mainardi, que ganhou de Nassif na primeira instância, tem o número 583.00.2008.172157-6 e tramitou perante a 41ª. Vara Cível. A sentença pode ser lida aqui.

Esses são os fatos – com provas. Durante anos – anos mesmo – fui chamado de “difamador” e daí pra baixo, sempre sem que muitos dos ofensores soubessem do caso corretamente (apenas repercutiam as acusações de alguém em quem confiavam).

E alguém que continua não falando a verdade toda.

ps.: o juiz de primeira instância pediu para ser informado do julgamento do Agravo de Instrumento – outro recurso perdido por Nassif. Eu também espero que tal informação chegue à vara de origem porque assim, finalmente, terei em mãos a certidão de trânsito em julgado.

ATUALIZAÇÃO
Nassif ganhou em primeira instância a contenda judicial mantida contra Eurípedes de Alcântara, editor da Veja. Acontece que o TRIBUNAL DE JUSTIÇA REVERTEU A DECISÃO PRIMÁRIA. Vejam por aqui ou, se der errado, procurem pelo processo de número 02871087420098260000 no site do TJ/SP, na opção 2ª instância.

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 100% OFF (com desconto máximo de R$ 10) em até 2 corridas. Após ativado, o crédito terá validade de 30 dias.

14 Comentários

14 Comments

  1. Marcelo Rabelo

    16 de outubro de 2011 at 14h11

    kkk percebi també, carioca. o moço passou os últimos 3 anos afirmando que aécio era um grande político, uma promessa para o futuro do brasil.segundo ele, aécio era o melhor candidato, enquanto serra seria uma nulidade, alguém que só copiava as idéias brilhantes do introdutor do jornalismo de serviços.agora, houve mais uma das “mudanças de idéia”. o jornalista percebeu nesse mês, após anos cobrindo política e vendo discursos, entrevistas e a atuação de aécio no governo estadual e no congresso, que o mineiro seria vazio em idéias.não teria o conteúdo, profundidade e sagacidade de dilma.
    PS:além das mudanças de idéia do jornalista,que seus leitores chamam de “certa ingenuidade” por parte dele,seria legal um capítulo sobre a agência do jornalista, que nas suas próprias palavras, teria iniciado uma revolução virtual,midiática sem precedentes no brasil. percebe-se, afinal todos sabem como a agência anda bem das pernas.

  2. A Carioca

    9 de outubro de 2011 at 13h11

    Continuando o que o Marcelo disse, essa série não pode parar, pois o sujeito é um “working in progress”, que for visitar aquele secos e molhado vai reparar que agora ele tá direcionando o canhãozinho dele contra Aécio, que ele dizia ser melhor que Serra.

  3. Joaquim Borges

    7 de outubro de 2011 at 16h33

    A única diferença é que o José Serra não tem nenhum poder nem no governo dos estados governados pelo PSDB e muito menos no próprio partido, já está mais que claro isso, o grande nome é o Aécio amigo do Lula e o Alckmin tentando se dar bem com a boquinha federal, enquanto isso Lulla e Dirceu continuam despachando em seus governos paralelos, dando consultoria e palestras, gostaria de saber que tipo de consultoria e palestras já que ambos nunca trabalharam de verdade em lugar algum.

  4. Thiago

    7 de outubro de 2011 at 15h09

    Sério, como alguém consegue ler um texto desse Nassif? Eu (…) não tenho confiança nenhuma… principalmente agora, depois da série de textos sobre ele, não quero nem saber o endereço do sítio em que ele escreve…

    É incrível como o alexandre nunca comenta o que está no texto… sempre pedindo que haja criticas a direita e seus políticos…

    Esse caso de Sorocaba, se for verdade, mostra os fatos que com toda certeza será criticado. Creio que o papel do sítio Implicante seja tentar construir um país melhor, seja criticando a esquerda ou a direita… só que o alexandre se esquece que o PT está no governos a quase 9 anos… ele ainda deve reclamar das “privatizações do FHC” (o bom de estudar um pouco da história, é saber que o processo começou com o Itamar Franco e foi ‘escolha’ do congresso privatizar, não dos presidentes…)

  5. alexandre

    7 de outubro de 2011 at 9h43

    https://g1.globo.com/videos/bom-dia-brasil/t/edicoes/v/sp-cartilha-que-orienta-dependentes-de-drogas-para-em-maos-de-criancas/1652218/

    Taí o link. Vcs adoram falar de cartilhas, esse caso da prefeitura de Sorocaba beira o absurdo. Só acho engraçado que blogs que deram tanta ênfase às cartilhas contra a homofobia e que continham erros didáticos, se calem sobre isso. Parecem que os petistas não tem o monopólio da seletividade nesse país.

  6. Marcelo Rabelo

    5 de outubro de 2011 at 22h23

    a série sobre nassif está fantástica. só senti falta de um capítulo sobre as “mudanças de idéia” do nassif.ex:há 10 anos dizia que o pt precisaria se livrar do lula para amadurecer e chegar ao poder; dizia que serra era o mais preparado para a presidência da república. já li um post onde leitores dele o questionam a respeito de um suposto passado serrista. nassif respondeu que foi enganado por serra, que jurava ser um social democrata de bom coração. segundo nassif, ele sempre escrevia textos sobre temas revolucionários na folha e serra sempre bajulava seus textos e dizia que estava interessado na idéia. depois de um tempo ele percebeu que serra não sabia nada sobre os assuntos, só estava tentando usar o intelecto do gênio das políticas públicas e grande introdutor do jornalismo econômico a seu favor. enfim, como se percebe, parece ser uma estória cheia de verossimilhança e nada contraditória, que merecia ser aprofundada.

    (Gravz: Essa mudança gradual – e também ampla e irrestrita – já foi mencionada em um texto d eoutro blog. Talvez seja o caso de retomar)

  7. alexandre

    5 de outubro de 2011 at 13h42

    E aí, vai criticar a distribuição de cartilha para crianças ensinando a usar drogas em Sorocaba, prefeitura administrada pelo PSDB ?

    (Gravz: Ensinando a usar drogas? Porra, claro que sou contra. È isso mesmo? Manda link. E o texto, gostou?)

  8. alexandre

    5 de outubro de 2011 at 9h24

    Vc não critica o Serra porque ele não está em nenhum cargo público ? Sendo assim, vc não irá criticar nem o Lula e o Zé Dirceu. Vc não critica o Serra por outros motivos. Aliás, dos responsáveis por esse blog o único cara autêntico é o Flávio Morgen. Ele é direitista convicto e consequentemente antipetista. Ele acredita no que diz. Os outros, e vc está incluido, estão fazendo “politicagem”.

    • Implicante

      5 de outubro de 2011 at 10h12

      (andremc: Se o Lula e o Zé Dirceu não tivessem influência no governo, realmente preferiríamos não falar deles.)

  9. Gustavo Noronha Silva

    4 de outubro de 2011 at 22h07

    To be fair, o Nassif falava dos processos que _ele_ moveu contra Veja quando disse que eles não passaram dos trâmites iniciais, então o processo do Diogo Mainardi não conta, claro, mas ainda assim foi omisso. Esse cara, sinceramente, (…)

  10. João

    4 de outubro de 2011 at 9h30

    O pior de tudo é que esse cara é ENDEUSADO por petistas e esquerdistas em geral. Quando comento sobre seus acordos bizarros com o BNDES, os contratos sem licitação, etc, os esquerdistas fãs de Nassif simplesmente não conseguem encontrar uma resposta decente. Normalmente, falam que é tudo culpa da imprensa golpista. Não há como ter um diálogo racional com quem parece ter merda na cabeça quando o assunto é política.

  11. Roberto

    4 de outubro de 2011 at 7h42

    É isso aí Gravz.
    Aprendi que uma das maneiras de avaliar um profissional é observar se ele deixou as portas atrás de si abertas ou fechadas. Todo aquele que cospe no prato que comeu (PHA, o tal que viu o “imundo”, etc.) tem um problema sério de auto-percepção.

  12. alexandre

    3 de outubro de 2011 at 21h47

    Vc adora falar que o Nassif é blogueiro pró-governo mas já li texto dele falando mal do governo mas nunca li nada de vc criticando o José Serra. Vc critica TODOS os políticos, com exceção do Serra. Não é meio estranho isso ? Aliás, vc nunca responde quando pergunto sobre o Serra. Por que ? Será que agora irá responder ? Ou vai deletar.

    (Gravz: NUNCA respondo? Bom, ainda bem que existe o google e afins. Faça uma busca com seu nome e o termo “serra”, e constatará que TUDO é publicado. Mas vamos aos fatos: eu adoro falar que o Nassif é blogueiro pró-governo? Então ache essa frase ou qq outra que indique isso. Quem falou foi A FOLHA DE SÃO PAULO, eu não. Eu falei do acordo judicial com o BNDES e, como no caso deste post, a falta de sintonia com a verdade dos fatos no que diz respeito ao processo que moveu contra mim e perdeu. Ah, sim, quando puder manda link dos textos dele falando mal do governo federal, seria interessante ler. QUanto a Serra, meu caro… ELE NÃO ESTÁ EM CARGO PÚBLICO ALGUM! Por que diabos você sempre cobra que falemos dele, sendo que ele não exerce atualmente função pública? Criaremos uma seção “retroativa” só para atender seu desejo de vê-lo criticado? O implicante foi criado em março deste ano, NÃO TERIA COMO falar um “a” de QUALQUER político que não exerça função pública. Ciro Gomes, por exemplo, não aparece aqui. E Ciro é inimigo do Serra, até onde sei. Só isso já torna sua teoria estranha, mas ela é confusa e inadequada por si. O melhor de tudo, porém, é que vocÊ NUNCA discorda dos textos. Sempre aparece cobrando que falemos de X ou Y, ou ironizando qualquer motivação. NUNCA fala sobre o centro da discussão. Sinal de que acertamos. E incomodamos. Estamos bem, portanto)

  13. Roberto

    3 de outubro de 2011 at 16h28

    É sempre bom a coisa correr do jeito certo e tentar esconder informações é horrível. Seu blog nada tinha de ilegal muito menos difamatório. Parabéns de verdade pela vitória, você realmente mereceu!

Deixe um comentário

Mais Lidas

To Top