facebook
...
Blog

Petistas temem que “faxina” de Dilma carimbe gestão de Lula como corrupta

Políticos do PT e da “base aliada”, principalmente os lulistas, começam a expressar descontentamento com as demissões ocorridas nos últimos meses em função de escândalos de corrupção. Leiam trecho de reportagem do Estadão, voltamos em seguida:

A “faxina” no governo da presidente Dilma Rousseff, que já derrubou quatro ministros em dois meses e doze dias, causa extremo desconforto no PT. Dirigentes do partido, senadores, deputados e até ministros temem que, com a escalada de escândalos revelados nos últimos meses – especialmente nas pastas dos Transportes, do Turismo e da Agricultura -, o governo de Luiz Inácio Lula da Silva acabe carimbado como corrupto. Todos os abatidos na Esplanada foram herdados de Lula.

Em conversas a portas fechadas, petistas criticam o estilo de Dilma, a “descoordenação” na seara política e o que chamam de “jeito duro” da presidente. Uma das frases mais ouvidas nessas rodas é: “Temos de defender o nosso projeto e o Lula.” Mesmo os que não pregam abertamente a volta de Lula na eleição de 2014 dizem que Dilma está comprando brigas em todas as frentes – do Congresso ao movimento sindical -, sem perceber que, com sua atitude, alimenta o “insaciável leão” do noticiário e incentiva o tiroteio entre aliados.

Na avaliação de petistas, o poderoso PMDB – que na quarta-feira perdeu o ministro da Agricultura, Wagner Rossi – não é confiável e acabará dando o troco a qualquer momento.

(…)

(Íntegra aqui)

Comentário

Na avaliação dos lulistas, a melhor forma de tratar com o “não confiável” PMDB é dar-lhe ministérios para fazer o que bem entender. O recado dos petistas para Dilma é bem claro: “Devagar com essa história de faxina ou então esqueça a reeleição. Se continuar nesse ritmo, vamos em 2014 com o  Lula, que não demitia ninguém e ainda defendia os corruptos”. Só falta combinar com o eleitor…

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

6 Comentários

6 Comments

  1. Kristiano

    23 de agosto de 2011 at 02:21

    O pior (ou melhor) é que o Alexandre fica de poodlezinho do PT(com tosa de pompom nas patinhas) e nem é pago pra isso…

  2. alexandre

    22 de agosto de 2011 at 20:42

    Não estou justificando a roubalheira atual com a do passado. Só estou afirmando que a preocupação ética desse blog não é sincera. Vcs só falam das roubalheiras do PT. Só falam mal do Aécio e do Chalita. Vai me dizer que é tudo coincidência ? Não nasci ontem !
    (Exilado: O que é sinceridade pra você? Pedir a você uma relação de pessoas sobre as quais devemos escrever? Atacar todo mundo pra provar “isenção”? Deixamos claro o que pensamos. Já escrevi este texto há tempos atrás https://bit.ly/iwuQ8Q É melhor deixar claro e expôr as razões que nos levam a ter reservas com determinada figura ou partido do que mascarar uma opinião pra fingir isenção. Eu sou eleitor também. Se for instado a votar, terei de escolher entre as opções que se apresentarem, e deixarei claro qual será ela. Não é porque escrevo e publico vídeos em um site PRIVADO que serei obrigado a buscar “o outro lado”. Não sou jornalista, e se fosse também não veria problemas em emitir opinião, desde que deixasse clara qual a natureza do texto. É óbvio que tenho opinião. Que ‘gosto’ ou ‘desgosto’ de partidos, políticos, e deixo claro os motivos que formaram essa opinião. Isso é honestidade, sinceridade. Ficar buscando pêlo em ovo pra provar que não se está a serviço de alguém é que seria desonestidade. Ah, e se ainda não ficou claro pra você, NÃO simpatizo com o PT.)

  3. alexandre

    21 de agosto de 2011 at 13:44

    eliseu padilha, renan calheiros(ex ministro da JUSTIÇA de FHC), arruda, roriz, quércia, paulo preto, azeredo, acm, jader barbalho(líder do governo no senado durante a gestão FHC), eduardo jorge e outros. Esses nunca serão lembrados por vcs. Só se apoiarem o governo, aí viram alvo desse blog. Vcs não são a favor da ética. Vcs politizam a ética pública. Se for dos nossos, “fechamos os olhos”. Se somos contra, “vamos meter o pau”. Ridículo esse blábláblá de “defensores da ética”.
    (Exilado: Tempo a tempo meu caro. O site não tem nem um ano. Nesse período o caso do Renan já havia estourado. Se novas acusações voltarem a rondar o senador, com certeza noticiaremos pra que você possa relembrar que ele foi ministro do FHC. Certeza que não endossamos a escolha. Nesse período Roriz já havia renunciado. Dos acima citados noticiamos a acusação petista de envolvimento do Quércia no caso dos dossiês dos aloprados. ACM morreu. Você precisou ressuscitar o ACM! Jader é da base aliada e Lula beijou até sua mão de acordo com relatos noticiados na imprensa. Roubalheira não se justifica com mais roubalheira. O fato de ter havido corrupção no passado, se menor ou maior escala, isso renderia outra discussão, NÃO é álibi para que se continue roubando. E o que você está fazendo é justamente isso.)

  4. saulo

    21 de agosto de 2011 at 13:35

    Se existia roubalheira antes, p q ñ perdoar a roubalheira atual, né Alexandre?!
    Justificativa vergonhosa. Patético escutar isso várias vezes: “se roubaram antes, p q ñ podemos roubar agora?” Justificativa suja petista.

  5. alexandre

    20 de agosto de 2011 at 12:33

    Vcs não justificam. só selecionam os atos de improbidade que interessam a vcs
    (Exilado: Delúbio, Dirceu, Genoino, Lula, Luizinho, Mercadante, Palocci, Gushiken, Berzoini, Idelli, Guadagnin, Erenice, Agnelo,… Qual dos nomes citados não estão envolvidos em escândalo? Fazer o que Alexandre, fazer o quê? Deve ser difícil ter que defender esse pessoal sem apelar para os mesmos argumentos de sempre.)

  6. alexandre

    19 de agosto de 2011 at 20:20

    Uma prova que o ministério dos transportes e PMDB nunca foram boas coisas : o ex-ministro dos transportes do governo FHC e deputado pelo PMDB, Eliseu Padilha, é alvo de ação por improbidade administrativa. Houve denúncias de fraude no pagamento de dívidas judiciais do DNIT. A roubalheira vem de longe !!!!!!
    (Exilado: A diferença, meu caro Alexandre, é que por aqui você não vai achar ninguém tentando justificar atos de improbidade.)

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top