facebook
...
Blog

Plano Real: a diferença entre o que pregava o PT e o que de fato aconteceu

Burro, ineficiente, perverso, igual aos anteriores… Os petista, há 20 anos, não pouparam críticas ao projeto do governo que finalmente domou a inflação e colocou o país no caminho do crescimento.

O atual governo do PT não tem se mostrado muito preciso em suas previsões, mas isso não é algo novo para o partido. Há 20 anos, à época do lançamento do Plano Real, que tinha como principal objetivo o controle da inflação, vários petistas deram opiniões negativas a respeito dele. O site InfoMoney reuniu várias dessas declarações, que expõem os erros dos então oposicionistas.

Guido Mantega, atual Ministro da Fazenda, declarou à Folha de S.Paulo, em 16 de agosto de 1994, que “é fácil perceber por que essa estratégia neoliberal de controle da inflação, além de ser burra e ineficiente, é socialmente perversa”. Aloizio Mercadante, Ministro-Chefe da Casa Civil, era outro que desacreditava o plano, dizendo que ele “não vai superar a crise do país”. Hoje, sabemos que o Plano Real controlou, sim, a inflação, estabilizando-a em níveis baixíssimos em relação aos anos de hiperinflação, quando o acúmulo anual chegava a quase 5.000%.

graficoinflacao

O ex-presidente Lula também não concordava com o plano de estabilização, e afirmou a O Estado de S. Paulo que ele não tinha “nenhuma novidade em relação aos anteriores” e que “suas medidas refletem as orientações do FMI. O fato é que os trabalhadores terão perdas salariais de no mínimo 30%”, o que, segundo ele, acabaria provocando uma greve geral. Mas os fatos, na verdade, mostram que o rendimento do trabalho vem batendo recordes de valorização.

Com a nova moeda, o piso nacional passou a ser reajustado acima da inflação. Isso permitiu que houvesse aumento real, refletindo diretamente no bolso dos trabalhadores. No Rio, por exemplo, a cesta básica no fim de julho de 1994, quando plano foi implantado, custava R$66,22, contra um mínimo a R$ 64,79. (…) Hoje, ela custa R$303,86 e o salário mínimo está em R$ 724, o maior valor real dede 1983.

Marco Aurélio Garcia, assessor especial da Presidência da República para Assuntos Internacionais, disse que o Plano Real só duraria “até as eleições de 1994”, errando a conta por 20 anos; enquanto Vicentinho, líder do PT na Câmara dos Deputados, afirmou que ele só traria “arrocho salarial e desemprego”.

Outros nomes associados ao partido, como Paul Singer, um de seus fundadores, e Gilberto Carvalho, Ministro-Chefe da Secretaria-Geral da Presidência, afirmavam que o novo plano econômico era um “golpe viciado que as elites aplicam” e que as disputas distributivas “transmitirão pressões inflacionárias da moeda velha à nova”.

Nos últimos 20 anos, no entanto, o Plano Real desmentiu cada uma dessas declarações, mas o senador Aécio Neves, em coluna da Folha de S. Paulo, lembrou que os seus detratores nunca se retrataram.

Nem o unânime reconhecimento que o Plano Real conquistou nesses anos foi suficientes para uma autocrítica daqueles que, apesar de terem se beneficiado dele, o combateram com ferocidade, pautados, como sempre, pelos seus interesses eleitorais.

Todos sabemos que nenhum dos avanços obtidos nos últimos 20 anos teria sido possível se a inflação não tivesse sido derrotada. Esta é a verdadeira herança deixada pelo PSDB para os brasileiros, já incorporada ao patrimônio do país.

Sempre que confrontado o certo e o conveniente, a política optará pelo conveniente. Não é de hoje que o PT faz política no sentido mais pejorativo do termo. Tornou-se comum reclamar da oposição supostamente fraca que o Partido dos Trabalhadores recebe no poder. Se por um lado esta de fato silenciou quando todos os brasileiros queriam ouvir gritos na câmara, por outro, evitou dar rasteiras gratuitas em projetos governamentais necessários ao país. Que o PT, no dia que voltar a ser oposição, aprenda a lição.

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

1 Comentário

1 Comment

  1. Guilherme Ferreira

    26 de março de 2014 at 14:02

    Leiam o artigo abaixo:

    – Uma breve história do Plano Real, aos seus 18 anos
    https://www.mises.org.br/Article.aspx?id=1294

    É o melhor que eu já li, sobre o Plano Real. Explica praticamente todas as etapas do Plano. Coisas que o povo nem imagina!

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top