Blog

Polícia acreana desce o cacete e a militância 2.0 não tá nem aí (adivinha quem governa lá?)

Não é novidade. Já falamos das SETENTA FAMÍLIAS cujas casas foram TRATORADAS (literalmente) pela PM do DF, que é gerido pelo PT, sem qualquer processo legal ou ordem judicial – foi PORRADA, mesmo. E a militância 2.0 não falou nada. Houve a mulher que ficou cega, na Bahia (também “do PT”), e os bolcheviques internéticos se calaram. No Piauí, onde o famigerado partido faz parte do governo, um rapaz também ficou cego enquanto os guevaras de mouse-e-teclado mantiveram silêncio obsequiso.

Agora, mais uma (sim, mais uma…): POLÍCIA MILITAR DO ACRE SENTA A BALA DE BORRACHA EM DESABRIGADOS DURANTE MANIFESTAÇÃO. Essa é aquela hora em que as redes sociais deixam de ser uma Sierra Maestra e passam a repercutrir o silêncio estridente da militância – tanto da “ideológica” quanto daquela que depende do PT para almoçar, jantar e pagar contas em geral. Não falaram nem falarão nada. Nada. Vejam trechos do que divulga o site Acre 24 horas (Texto e fotos – Ray Melo), já voltamos:

Por ordem de Tião Viana, Policia Militar dispersa manifestação de desabrigados que fechou a quarta ponte na base da bala, gás de pimenta e bombas de efeito moral – Desabrigados do Bairro Seis de Agosto, que fecharam a quarta ponte na noite desta terça-feira, 21, em protesto pelo corte no fornecimento de energia em áreas atingida pela água do Rio Acre, foram dispersos pelo Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) em uma operação que deixou mulheres e crianças feridas pelos disparos de balas de borracha (…) Os militares do BOPE chegaram ao local e iniciaram as negociações, que terminou com disparos de balas de borracha, gás de pimenta e bombas de efeito moral. Os manifestantes fizeram um cordão de isolamento com crianças e mulheres, mas não foi suficiente para conter os militares que dispersaram a multidão com o uso da força. Segundo informações de moradores, os policiais agiram precipitadamente. “Nós estávamos nos dirigindo aos objetos usados no bloqueio para fazer a retirada, mas os policiais entenderam que nós estávamos querendo pegar os objetos para agredi-los. Nunca vi nada parecido. Os policiais trataram civis, como verdadeiros bandidos nem as crianças escaparam”, diz o morador João Silva. O comando da Polícia Militar se justificou afirmando que os policiais foram obrigados a agir. Um militar que não quis se identificar, afirmou que a ordem “partiu de cima”. Uma pessoa ligada à administração de Tião Viana (PT) esteve no local para tentar impedir o trabalho de jornalistas que faziam a cobertura da ação policial.” (grifos nossos)

Comentários
A ordem “partiu de cima”, segundo um policial. Os patetas (alguns são pagos, então nem todos são trouxas) atacam ações policiais oriundas de ordem judicial, mas NÃO FALAM NADA NEM FALARÃO PORQUE SÃO PAUS MANDADOS acerca dessa barbárie da polícia do Acre, comandada (literalmente, segundo relato da reportagem) por Tião Viana.

Ninguém vai fazer greve de fome ou amarrar-se na sede de emissora, ninguém vai colocar bannerzinho de “todos somos Acre” nem nada do tipo. A população acreana que se lasque, porque o dever desses humanistas é antes com o partido, depois com qualquer população. Nojo dos que recebem uma paga para isso e muita pena dos que o fazem gratuitamente, por pura e simples idiotice individual.

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

12 Comentários

12 Comments

  1. alexandre

    26 de fevereiro de 2012 at 08:21

    Li hj um post do Reinaldo Azevedo sobre a candidatura do Serra. Nitidamente um sentimento de tristeza pelo fato do Serra ter abandonado o projeto de ser presidente. O Serra deixou alguns blogs órfãos ! rrsssssssssssssssss
    E isso não tem preço ! hahahahahhahahahahahahahahahaha
    Quero ver o malabarismo que vc e o Reinaldo Azevedo vão fazer para “puxar o saco” do Aécio Neves ! Será hilário ver vcs mudarem de idéia e passarem a elogiá-lo ! rssssssssssssssss Essa não vou perder ! rssssss
    P.S.: Isso é bem feito para vcs. Ficam atrás do “patrão” e agora foram abandonados. 2014 será uma tremenda saia justa para vcs. Quero ver a “cara de pau” de vcs elogiarem os mesmos que criticaram quando o “patrão” era presidenciável.

    (Gravz: Vc acredita MESMO na tese do “patrão” ou é só trollagem? ENfim, achei ÓTIMA a decisão de José Serra. Ótima, mesmo. E, não, jamais mudarei minha opinião sobre quem quer que seja. Não sou petista que precisa elogiar Sarney, depois Renan, depois Delúbio, daí até Dirceu ou Cabral – e isso vale para cabralista que precisa elogiar Dirceu, Delúbcio etc.)

  2. Airton

    25 de fevereiro de 2012 at 23:18

    E o senador Paulo Paim , presidente da Comissão de Direitos Humanos só está preocupado com o que aconteceu nos estados do Pará , de SP ( Pinheirinho ) e do Mato Grosso.

  3. Thiago

    25 de fevereiro de 2012 at 13:45

    alexandre

    Não envergonhe os cariocas e fluminenses!

    Até os moradores das comunidades conhecem a farsa da pacificação… não ter armas nas mãos dos traficantes é uma “vitória”, mas e o tráfico de drogas que continua a todo vapor? E vale lembrar que os traficantes que saíram das comunidades “pacificadas” foram para outras comunidades e até de outros municípios… ou acha que os bandidos largaram a bandidagem só por terem perdido “o poder” de uma comunidade? Fala sério hein!

    Peço novamente, não envergonhe os cariocas e fluminenses!

  4. leonardo

    24 de fevereiro de 2012 at 21:32

    A realidade é que critiquei este blog quando esse criticou o livro Privataria Tucana, mas a realidade é que o governo Petralha é uma merda. Aqui no DF estamos todos indignados, nunca antes na história deste País roubou se tanto. O governador quer privatizar, terceirizar tudo. Fico indignado, pois sou um dos milhares aqui que estão aprovados em concurso público, e mesmo assim o governador prefere nomear os militantes que mal sabem ler “cargos comissionados”, O nosso governador só pensa no Estádio que ele esta construindo, mais de 1 bilhão de reais jogados no ralo, não temos professores, médicos, policiais, Brasília esta parada. PT nunca mais.

  5. bedot

    24 de fevereiro de 2012 at 21:15

    “minha pacificada RJ”? Bom, eu também sou do Rio e gostaria muito de saber onde esse rapaz vive. Se for no Palácio Guanabara, fortemente vigiado, aí vou entender a afirmação. E também a genuflexão ao boquinha mole do Cabral.

  6. Airton

    24 de fevereiro de 2012 at 21:11

    Alexandre o governo Paes fez com a sua cracolandia ? Algo diferente ?
    Fez algo que se a prefeitura de SP fizesse ( internação compulsória ) os blogueiros progressistas cairiam de pau em cima .
    A briga no carnaval foi feito por aqueles que fizeram homenagem ao seu ídolo e que só por isso se achavam ganhadores antecipados , esquecendo o que é uma disputa de escolas de samba.

  7. Hay

    24 de fevereiro de 2012 at 11:04

    (apertei o botão comente sem querer, favor ignorar a última mensagem)
    Bom, alexandre, só me faltava você chegar aqui e dizer que o governo do Acre está certo. Aí você poderia pegar seu cérebro e jogar na lata de lixo de uma vez. Felizmente, ainda há salvação para sua massa encefálica. Basta se esforçar um pouco mais. Tenho uma pergunta para você: onde estavam seus ídolos, as pessoas cujos sacos você puxa diariamente, durante todos os A-N-O-S nos quais o processo de desocupação correu? Por acaso eles apareceram? É claro que não. Alguns deles estavam até mesmo gostando daquilo. Aí, quando a ação judicial finalmente termina, seus ídolos aparecem do nada para defender os pobres habitantes, que, inclusive, precisavam pagar para estar ali, mesmo o terreno não sendo das pessoas que faziam a cobrança.

    Faça um favor ao seu cérebro: não o deixe de molho. Use-o um pouco mais.

  8. A Carioca (no trampo)

    24 de fevereiro de 2012 at 10:45

    Uau, senti até um medinho do Super-Alê!
    Cadê a coragem dele para ir ao Nassif, PHA e quetais e cobrar isenção deles no que tange a mesma situação?

  9. alexandre

    24 de fevereiro de 2012 at 07:12

    E SP que tem briga na USP, invasão na Cracolândia, Pinheirinho, bagunça na apuração de escola de samba ? Aliás, desmarquei uma viagem para Sampa no mês que vem ! Aí tá meio “sinistro”. Prefiro ficar na minha pacificada RJ !!!!

  10. alexandre

    23 de fevereiro de 2012 at 20:39

    Eu tenho coragem de chegar aqui nesse blog e dizer que o governo estadual no Acre está errado. Mas não vi nenhuma condenação às condições desumanas nos abrigos no Pinheirinho por este blog. Mas eu entendo sua situação : vc é chapa-branca do governo de SP.

    (Gravz: NOSSA QUE CORAGEM! Ale, até a avó da velhinha de Taubaté sabe que vc tá na do Cabral. Falaê sobre os prédios que caem, bueiros que voam e demais… DUVIDO VOCÊ CONDENAR CABRAL. Mas entendo, é a vida…rsrsrsrsrsrs Mande algum relato do que há em Pinheirinho e, claro, divulgaremos de boa. CORAGEM para falar do Acre? Noffa, que corajouzu)

  11. Vítor Bonini

    23 de fevereiro de 2012 at 15:13

    Enquanto isto , que os paulistas se preparem , pois já esta praticamente em trabalho de parto , mais uma daqueles pelegas greves dos professores , obviamente só em São Paulo , que usualmente antecedem as campanhas politicas aqui na terra da garoa .
    Enquanto isto , a caçicaiada do surdo , mudo e cego PSDB , segue discutindo picuinhas internas e admirando o próprio umbigo .

  12. Thiago

    22 de fevereiro de 2012 at 22:07

    “Nojo dos que recebem uma paga para isso e muita pena dos que o fazem gratuitamente, por pura e simples idiotice individual.” [2]

    O pior é ter conhecidos na Espanha, que fazem isso de graça para o mundo inteiro ver… Aliás, essa mesma pessoa adora falar que deveria ocorrer uma guerra civil para acabar com o capitalismo, mas quando a policia mete a borracha em alguém que estava protestando por algo (seja legitimo ou não), ela fica revoltada e com vontade de exterminar os policiais e a instituição…

    Sinceramente, não consigo entender a coerência desses esquerdistas…

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top