facebook
...
Blog

Retrospectiva 2013: novembro, o mês em que os mensaleiros finalmente foram presos.

Não sem muito circo, choro, fuga para a Itália e proposta de salário de 20 mil reais para José Dirceu.

20131126083703_jose-dirceu

Se houve um tempo em que a militância governista se segurou com números positivos, ele talvez tenha encontrado seu fim em 2013. Novembro começou com o maior rombo nas contas públicas em duas décadas. Já a balança comercial acumulava o pior déficit em 15 anos. A dívida pública passou do segundo trilhão de reais.

Haddad, tentando melhorar sua imagem, tentou combater o crime, mas findou dando alguns tiros no próprio pé. Começou com uma interceptação telefônica citando doação de 200 mil reais a seu principal secretário e findou punindo auditora que testemunhou contra. Em vão, uma vez que Donato não resistiu e caiu. Também soube-se que um dos investigados era sócio da esposa do secretário de transportes. Até acusação de uma espécie de mensalão rolou. Contudo, as notícias arrefeceram depois que Kassab confirmou aliança com Dilma para 2014.

Descobriu-se que o PT baiano gastou mais que o dobro com propaganda do que com segurança. O governo federal também tirou dos presídios, mas para dar à Copa do Mundo (com custos que subiram em quase 700 milhões de reais). Em Santa Catarina, enquanto Ideli Salvati visitava suas bases eleitorais com aeronave do SAMU, 52 acidentes com 2 vítimas fatais aconteceram nas estradas federais. Na saúde, o SUS ficou em último lugar num ranking mundial.

A Petrobras, que teve destaques negativos o ano todo, fechou contrato superfaturado de US$ 825 milhões com a Odebrecht. Denúncias de propina derrubaram dois assessores de Mantega na Fazenda. E o Ministério Público pediu para que Lula fosse julgado por improbidade administrativa.

Mas o grande destaque de novembro foi mesmo a prisão dos mensaleiros. Determinada em 14 de novembro, a maioria se entregou até o dia 16, exceto Pizzolato, que fugiu para a Itália. Um circo armou-se, mas o Ministério da Justiça negou que Genoino tivesse passado mal e um laudo concluiu que o estado dele não era grave como reclamavam uma terapeuta ocupacional que se dizia médica do deputado. Findou com a aposentadoria por invalidez negada. Os familiares de presos comuns reclamaram dos privilégios recebidos pelas autoridades presas. Mal sabiam eles que Dirceu receberia uma proposta de salário de 20 mil reais em hotel de empresa com sede em paraíso fiscal.

Para ler os acontecimento de outubro, clique aqui.

Nunca inseriu um código de desconto no Cabify? Experimente usar o código "IMPLICANTE" e ganhe 50% OFF (com desconto máximo de R$ 20) em 3 corridas.

Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

To Top